Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Passistas com o corpo pintado “causam” na avenida

Dupla desfilou pela Acadêmicos do Tucuruvi, que perdeu 90% de suas fantasias e adereços em um incêndio

Por Ana Carolina Soares Atualizado em 10 fev 2018, 04h10 - Publicado em 10 fev 2018, 04h09

Não faltaram musas para brilhar na primeira noite de desfiles do Carnaval 2018 no Sambódromo, no Anhembi. Até as 4 horas da manhã já tinham passado pela avenida, entre outras, Sheila Mello (Independente Tricolor), Daniela Albuquerque (Acadêmicos do Tucuruvi), Stephanye Cristinne (Unidos do Peruche) e Viviane Araújo (Mancha Verde).

Mas no hall do hotel Holiday Inn Anhembi, que nesta época se torna o quartel-general das agremiações, nenhuma delas causou tanto como a dupla de modelos Adrielly Silva, 22 anos, e Rafaela Guimarães, 18 anos. Passistas da Acadêmicos do Tucuruvi, Adrielly e Rafaela saíram na ala futurista da escola usando apenas uma pintura sobre o corpo. Homens de todas as idades e de escolas concorrentes paravam e faziam fila para tirar fotos e tietar a dupla.

A opção pela pintura foi, segundo elas, uma saída do cenógrafo após o incêndio que atingiu o galpão da escola e queimou 90% dos adereços e fantasias. O trabalho levou muitas horas para ficar pronto – elas chegaram ao hotel por volta das 14 horas e ficaram lá, em pé, até a hora de sair para o desfile, por volta das 23 horas.

Publicidade