Clique e assine por apenas 5,90/mês

Livro revela curiosidades sobre o Teatro Municipal

A obra contém relatos de personalidades que viveram importantes episódios no endereço

Por Mauricio Xavier [Com reportagem de Carolina Giovanelli, Lívia Roncolato e Nathalia Zaccaro] - Atualizado em 5 dez 2016, 15h39 - Publicado em 13 set 2013, 16h42

O livro O Theatro Municipal de São Paulo: Histórias Surpreendentes e Casos Insólitos (Senac, 366 páginas, 44,90 reais) narra episódios ali vividos por personalidades como o escultor Victor Brecheret e o ator Raul Cortez (veja, abaixo, trechos de depoimentos). Para escrevê-lo, os jornalistas Edison Veiga e Vitor Hugo Brandalise fizeram 198 entrevistas e consultaram 200 livros.

 

+ Depois de cinco meses em cartaz, ‘O Rei Leão’ tem números impressionantes

+ Compras representam a maior fatia do orçamento de famílias de classe alta

+ Feira de orgânicos do Parque da Água Branca terá versão noturna

› Eva Wilma, atriz: “Os porteiros foram responsáveis pela minha formação de artista ao me deixarem entrar de graça em vários espetáculos”. 

Fernando Meirelles, cineasta: “Em 1980 comecei a namorar uma bailarina do então Corpo de Baile e frequentava os camarins. Acabei me casando com ela, é a Ciça”. 

Maria Adelaide Amaral, dramaturga: “Fui a jantares na cúpula do teatro, uma das coisas mais mágicas que já vivi. Você vê a cidade à noite, de outro ângulo”. 

› Sérgio Reis, cantor: “Toquei no Municipal em 1979. Meus pais ainda eram vivos, foram assistir, ficaram no camarote e se emocionaram”.

Continua após a publicidade
Publicidade