Clique e assine por apenas 6,90/mês

Chef holandês serve hambúrguer por 7 500 reais

Receita foi elaborada com o propósito de entrar no Guiness Book como o hambúrguer mais caro do mundo

Por Gabrielli Menezes - Atualizado em 8 Jun 2017, 12h13 - Publicado em 8 Jun 2017, 12h06

Se você acha que os hambúrgueres de São Paulo estão pela hora da morte, prepare-se para não cair para trás! Na Holanda, o chef Diego Huik inventou um sanduíche que custa nada menos do que 2050 euros, ou melhor, 7 500 reais. O alto custo, segundo ele, é justificado pela combinação de caros ingredientes.

São eles: blend de wagyu dry-aged e black angus, lagosta Oosterschelde feita com Hermit Dutch Coastal (um gin holandês), foie gras, trufas brancas, queijo Remeker, caviar, tomatinhos-cereja japoneses, alface da França, presunto espanhol e (ufa!) molho de 35 tipos diferentes de lagosta mais café jamaicano, baunilha de Madagáscar, açafrão e shoyu.

Para completar, toda essa mistureba pra lá de requintada vai dentro do brioche folhado a ouro 24 quilates, que custa, sozinho, mais de 400 reais. Caso esteja disposto a provar a pedida, é preciso reservar com antecedência e ir até o restaurante de Buik, que fica em Haia, na Holanda.

Em entrevista para o britânico Daily Mail, o chef afirmou que a criação do hambúrguer tinha realmente o propósito de garantir um espaço no Guiness Book, o livro dos recordes. Bom, o objetivo foi alcançado e o sanduba de Huik foi considerado o mais caro do mundo. No Twitter, ele comemorou a vitória.

Continua após a publicidade

O holandês disse ainda que ele mesmo nunca pagaria esse preço para comer um hambúrguer. “É insano considerar a quantidade de dinheiro que você gastaria em apenas dez minutos. Eu iria preferir comer mais de mil hambúrgueres do McDonald’s, pelo menos durariam mais tempo…”, explica. Curioso, não?

Publicidade