Imagem Blog

Pop! Pop! Pop!

Por Blog
Cultura pop, TV e o que repercute nas redes sociais
Continua após publicidade

Luisa Mell alfineta Juliette: ‘Condena milhões de animais ao sofrimento’

A ativista acredita que a ex-BBB influenciou seus fãs a comprarem pets de raças específicas, em vez de incentivar a adoção de vira-latas

Por Redação VEJA São Paulo
4 set 2022, 12h48

A ativista pelo direito dos animais Luisa Mell usou as redes sociais no sábado (3) para mostrar sua indignação com uma atitude da cantora Juliette. A campeã do BBB21 virou “mãe” de dois filhotes de cachorro e compartilhou registros da novidade em seu Instagram, para mais de 33 milhões de seguidores.

+ Narcisa dá susto em Jason Derulo em hotel antes de show no Rock in Rio

Mell acredita que, dessa forma, a ex-BBB influenciou seus fãs a comprarem pets de raças específicas, em vez de incentivar a adoção de vira-latas. “Juliette sempre tão consciente, poderia dar exemplo na causa animal também”, comentou em um post na rede social.

“Nem me venham com papo de que ganhou, porque cachorro não se ganha”, afirmou. “Se for assim, estou dando para ela três vira-latinhas lindos.” A ativista ressaltou que há mais de 30 milhões de cachorros abandonados no país.

Os fãs da ex-BBB retalharam a ativista pelas críticas “pesadas e desnecessárias”. Em resposta, Mell publicou uma série de stories em que defendeu seu posicionamento. Ela contou sobre sua experiência em criadouros, onde viu como os animais são maltratados.

“Quando uma celebridade com essa relevância, essa importância, essa notoriedade no nosso país, faz um show desse na mídia, mostrando os cachorrinhos de raça que ganhou, isso influencia milhões de pessoas a quererem essa raça, a darem valor a raça”, disse. “Quando ela faz isso, ela condena milhões de animais a mais sofrimento.”

Continua após a publicidade

“Talvez ela não saiba, talvez ela não tenha essa informação. Como eu já disse, ela já foi tão maravilhosa e consciente em outras causas, eu sempre fui muito fã dela. Mas, em relação à causa animal, ela não se interessou.” A ativista contou que já convidou Juliette para ir a seu instituto, mas a cantora negou o convite.

A ativista concluiu afirmando que Juliette tem o direito de não defender a causa dos animais, mas que ela continuará se manifestando e dedicando sua vida a lutar por esse ideal. “Eu não me importo de ser popular, me importo em salvar os animais.”

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por Juliette (@juliette)

Continua após a publicidade

+ Assine a Vejinha a partir de 9,90.

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de R$ 39,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.