Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Vizinha deverá pagar indenização por ‘fake news’ contra filho de Doria

Alessandra Batah Maluf postou um vídeo em que denunciava uma festa, mas foi desmentida

Por Redação VEJA São Paulo Atualizado em 11 ago 2021, 13h04 - Publicado em 11 ago 2021, 12h28

Alessandra Bath Maluf, vizinha do governador João Doria, terá que pagar 8 000 reais após acordo com o Tribunal de Justiça de São Paulo. As informações foram reveladas pelo UOL.

No dia 6 de março, Alessandra gravou um vídeo em que dizia que um dos filhos de Doria dava uma festa em sua casa, no Jardim Europa, em plena pandemia. No dia seguinte, o tucano fez um boletim de ocorrência contra ela e alegou que a referida residência não era dele.

Na mesma data, o governador postou três comunicados, no Twitter, Instagram e Facebook, dando o nome da mulher, e explicando que a alegação dela não era verdadeira. A justiça chegou a determinar que as postagens fossem apagadas.

Uma amiga da vizinha, Cristiane Gonçalves, também presente no vídeo, foi condenada a mesma multa. Os pagamentos têm como prazo o dia 8 de outubro e o total do valor arrecado será repassado para o Fundo Municipal da Criança e do Adolescente.

+Assine a Vejinha a partir de 8,90.

Continua após a publicidade

Publicidade