Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Unidade do Extra na Zona Sul entrega bandeja de carne vazia até a comprovação do pagamento

Caso foi denunciado nas redes sociais; rede disse que prática será "imediatamente descontinuada"

Por Redação VEJA São Paulo Atualizado em 18 out 2021, 17h58 - Publicado em 18 out 2021, 17h57

O supermercado Extra no Jardim Ângela, na Zona Sul da capital paulista, adotou uma prática diferente das unidades mais centrais da cidade: entregava as peças de carne aos clientes apenas depois da comprovação do pagamento em caixa.

O caso foi denunciado nas redes sociais da educadora Fabiana Ivo no último dia 14 de outubro. “Agora essa palhaçada. Fui comprar carne para minha mãe no Extra do Jardim Ângela e para a minha surpresa foi me entregue uma bandeja vazia”, escreveu ela, dizendo que o funcionário da unidade a informou que deveria primeiro pagar para depois retirar a carne.

“A resposta para a minha pergunta [sobre o motivo do procedimento] foi: ‘moça, para evitar roubo”, narra Fabiana. “Isso é uma afronta a todas a população das quebradas, duvido que o mesmo acontece no Extra do Morumbi”.

Procurado, o Extra informou por meio de nota que esse procedimento “não faz parte de sua política de atendimento, trata-se de uma falha pontual”. Disse ainda que “assim que teve conhecimento do fato, a loja tomou providências para que a prática fosse imediatamente descontinuada. A rede segue à disposição para quaisquer esclarecimentos”.

Continua após a publicidade

Publicidade