Clique e assine por apenas 6,90/mês

SBT cancela programa de violência e bizarrices um dia após estreia

'Alarma TV' apareceu na grade pela primeira vez na terça (1º) e desagradou tanto que não voltará ao ar hoje (2)

Por Redação VEJA São Paulo - Atualizado em 14 Feb 2020, 15h56 - Publicado em 2 Oct 2019, 12h34

Com a missão de mostrar cenas violentas, chocantes e com toda sorte de desastre, o SBT colocou no ar, pela primeira vez, na terça (1º) o programa importado Alarma TV. Com baixa audiência, a atração foi cancelada no mesmo dia e não deve retomar à grade da emissora nesta quarta (2).

Apresentado por um casal, o show consistia em uma seleção de vídeos que incluíam um homem bebendo urina de vaca e uma explosão de carro bomba. Houve, inclusive, cortes de diversos programas, perceptível pela repentina mudança de roupa da apresentadora e até a troca de seu acompanhante no palco. Há quem tenha levantado a hipótese de que o picote seja um sinal de que a emissora tentou dar uma “suavizada” no conteúdo.

Por aqui, a atração foi exibida com descrições em espanhol, dublagem em português e não agradou. Na internet, o programa foi altamente criticado e a dublagem virou até motivo de piada. Que desespero. O SBT acaba de mostrar quatro homens explodindo junto com um carro bomba“, disse um internauta. 

Publicidade