PF prende dois por tráfico internacional de cocaína via Correios

Os pacotes com cocaína, que tinham como destino países da Europa e da Ásia, eram preparados e remetidos por dois irmãos que residem em Santo André

A Polícia Federal (PF) em São Paulo prendeu nesta quarta-feira (18) dois acusados de tráfico internacional de cocaína por meio dos Correios. Os traficantes iriam fazer pelo menos 89 remessas da droga. Além das prisões, a PF fez buscas em um endereço de Santo André, na Grande São Paulo, onde residem os investigados.

A investigação teve início em abril de 2016, quando a PF foi comunicada pela Alfândega da Receita nos Correios em São Paulo da apreensão de várias correspondências destinadas ao exterior com “substâncias ocultas que poderiam se tratar de drogas”. Todas haviam sido postadas em agências de Santo André, São Bernardo do Campo e São Paulo.

Foi instaurado inquérito policial. Substâncias que iriam ser enviadas ao exterior em envelopes prateados lacrados colocados em meio à certificados, diplomas e outros produtos de papelaria foram submetidas à perícia, que confirmou se tratar de cocaína.

No âmbito do Projeto Faro Fino – operação permanente que realiza a triagem de correspondências e encomendas apreendidas com drogas ocultas nos Correios – essas postagens foram analisadas e foi possível verificar a relação de pelo menos 89 remessas com um mesmo grupo criminoso.

As investigações indicaram, ainda, que os pacotes com cocaína, que tinham como destino países da Europa e da Ásia, eram preparados e remetidos por dois irmãos que residem em Santo André. Eles foram presos nesta quarta-feira (18) por decisão da 3ª Vara Federal de Santo André.

De acordo com a PF, durante as buscas foram encontradas “novas evidências que comprovam a participação da dupla”. A Polícia Federal agora quer identificar os fornecedores das drogas e outros envolvidos no esquema internacional.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s