Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Pai de Ayrton Senna, Milton da Silva morre em São Paulo

Ele acompanhava de perto a carreira do filho

Por Redação VEJA São Paulo Atualizado em 27 out 2021, 20h57 - Publicado em 27 out 2021, 20h56

Milton da Silva morreu nesta quarta-feira (27) aos 94 anos de idade. Pai do tricampeão mundial de Fórmula 1, Ayrton Senna, era apelidado de Miltão e estava sempre presente nas corridas do filho.

O anúncio do falecimento foi feito pelas redes sociais oficiais de Senna. Milton faleceu de causas naturais.

“Faleceu nesta quarta-feira o Sr. Milton Guirado Theodoro da Silva, pai de Ayrton Senna. Nossos sentimentos para todos os familiares e amigos. Obrigado, Miltão”, diz o texto.

O homem era fundador de uma empresa metalúrgica e dividia o seu tempo entre o negócio e a carreira do filho. Além de Ayrton, Milton era pai de Viviane e Leonardo e era casado com Neyde Joana Senna.

Pelas redes sociais, Rubens Barrichello lamentou a morte do patriarca. “Meus sentimentos para a família Senna”, escreveu.

Continua após a publicidade

Publicidade