Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Linha de ônibus elétricos vai ligar ABC à capital

Investimento da iniciativa privada será de 859 milhões de reais

Por Redação VEJA São Paulo 7 Maio 2021, 17h13

O governo de São Paulo divulgou nesta sexta-feira (7) um sistema de transporte de ônibus elétricos que vai interligar a capital paulista aos municípios de São Caetano, São Bernardo do Campo e Santo André. O investimento na operação é de 859 milhões de reais, que, segundo a gestão João Doria (PSDB), vai vir da iniciativa privada. A previsão de entrega é para 2023.

O projeto prevê 18 quilômetros de via expressa, com 20 paradas, três terminais e uma frota de 82 ônibus elétricos. Com o projeto, o trajeto entre os terminais de São Bernardo e o Sacomã, na Zona Sul, deve levar 40 minutos na modalidade expressa. Os passageiros devem contar com dois bilhetes: o tradicional, que vai parar em todos os pontos e o semiexpresso, com menos paradas.

A empresa Metra é a responsável pela implementação e gerenciamento. Os ônibus irão se deslocar em faixas exclusivas e, de acordo com a gestão Doria, semáforos inteligentes serão instalados no percurso, que vão priorizar o tráfego dos ônibus.

Publicidade