Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

21 hospitais estaduais chegam a 100% de ocupação de UTI Covid-19

As unidades estão localizadas na capital e na região metropolitana; março já é o mês com o maior número de óbitos pela doença no estado

Por Redação VEJA São Paulo Atualizado em 24 mar 2021, 11h10 - Publicado em 24 mar 2021, 10h54

Nesta quarta-feira (24), 21 hospitais estaduais da cidade de São Paulo e da região metropolitana estão com 100% dos leitos de UTI para pacientes com Covid-19 ocupados. As informações são do G1.

Na segunda-feira (22), foram registrados 29 039 pessoas ocupando leitos destinados à doença, sendo 16 871 em enfermaria e 12 168 em UTI. No estado, o número de pacientes internados por Covid-19 cresceu 113% no último mês.

Com ainda uma semana para acabar, março de 2021 já se tornou o mês com maior número de mortes causadas pela doença no estado de São Paulo, chegando a 9 130. Nesta terça-feira (23), São Paulo registrou o pior índice de mortes por Covid-19 em 24h desde o começo da pandemia: 1.021 óbitos.

Na capital, os hospitais que chegaram a 100% de ocupação são: Hospital Geral de Pedreira, Hospital Estadual Vila Alpina, Hospital Geral de São Mateus, Hospital Ipiranga, Conjunto hospitalar do Mandaqui, Hospital Geral de Guaianases, Hospital Geral de Taipas, Instituto Dante Pazzanese, Hospital estadual de Sapopemba, Hospital Geral de Vila Penteado e Hospital Local de Sapopemba.

Fora da cidade, são eles: Hospital Geral de Carapicuíba, Hospital Regional de Cotia, Hospital Estadual de Diadema, Hospital Regional de Ferraz de Vasconcelos, Hospital Estadual de Francisco Morato, Complexo Hospitalar Padre Bento de Guarulhos, Hospital Geral de Guarulhos, Hospital Geral de Itapecerica da Serra, Hospital Geral de Itaquaquecetuba e Hospital Regional de Osasco.

Hospital exclusivo para pacientes Covid

O vice-governador Rodrigo Garcia anunciou, nesta segunda-feira (22), que o Hospital Vila Penteado, na zona norte da capital, passará a ser exclusivo para casos de Covid-19. Assim, o hospital passa a atender apenas casos suspeitos e confirmados de infecção por coronavírus e os atendimentos de outras modalidades estão sendo direcionados para outros hospitais. Com o avanço da pandemia, o hospital tem atuado com taxas de ocupação de 100% nas últimas semanas.

“São 196 leitos dedicados a pacientes Covid. A medida ajuda na logística da distribuição de oxigênio e de insumos”, disse o vice-governador. O Hospital Vila Penteado agora terá 55 leitos de UTI e todos os 141 leitos de enfermaria destinados para pacientes com Covid-19. 

+Assine a Vejinha a partir de 6,90.

  • Continua após a publicidade
    Publicidade