Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Homem mata filho e ex-mulher em chacina na virada do ano

Após cometer a chacina, que matou doze pessoas em Campinas, o atirador se matou

Por Estadão Conteúdo Atualizado em 1 jan 2017, 09h43 - Publicado em 1 jan 2017, 09h35

Um homem matou ao menos doze pessoas de uma mesma família em Campinas (SP), a 92 quilômetros da capital. O crime aconteceu no bairro Jardim Aurélia, durante uma festa de réveillon familiar.

Segundo a Polícia Militar, o atirador invadiu a residência pulando o muro, pouco antes da meia-noite do dia 31, abriu fogo com uma pistola e se matou logo em seguida. Entre os mortos estão a ex-mulher (o casal estava em processo de separação) e o filho de apenas 8 anos. Além das vítimas fatais, outras três pessoas ficaram feridas e foram levadas ao hospital da Unicamp para atendimento médico.

Relatos apontam que o homem teria por volta de 40 anos e estaria inconformado com o recente processo de separação de sua ex-companheira.

  • Publicidade