Continua após publicidade

Estado de São Paulo gerou 51 mil empregos formais em março

Setor de transportes, armazenagem e entregas foi o que mais contratou

Por Redação VEJA São Paulo Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
Atualizado em 16 Maio 2023, 17h57 - Publicado em 16 Maio 2023, 17h56

O estado de São Paulo criou 51 000 novos postos de trabalho formal em março, um aumento de 124% em comparação com o número de empregos gerados em março de 2022. Os dados são da Fundação Sistema Estadual de Análise de Dados (Seade) com base em dados do Caged, divulgados pelo Ministério do Trabalho e Emprego.

+ Feirão de empregos em Paraisópolis tem vagas para bares e restaurantes

O setor de serviços, em especial a área de transportes, armazenagem e entregas, foi o mais aquecido, com 37 000 postos. Já a área de construção civil gerou 9 000 novos empregos, enquanto na indústria foram criadas 6 000 vagas e o agro registrou relativa estabilidade.

A maior parte das vagas foi na região metropolitana de São Paulo, com 20 000 empregos durante o mês – 14 000 somente na capital. Já Campinas teve 8 000 novos postos.

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de 49,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.