Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês

Chácara na Vila Mariana recebia Mário de Andrade e Anita Malfatti

Propriedade demolida em 1961 pertencia ao senador José de Freitas Valle

Por Mauricio Xavier [com reportagem de Catarina Cicarelli e Isabella Villalba] Atualizado em 5 dez 2016, 18h14 - Publicado em 12 mar 2011, 00h50

Na Rua Domingos de Morais, na Vila Mariana, havia um centro pulsante da cultura paulistana no início do século XX: a casa do senador José de Freitas Valle, batizada de Villa Kyrial, palavra que tem origem no grego kyrios (deus). Com músicos executando obras eruditas à porta de entrada, a chácara urbana recebia convidados como o poeta Mário de Andrade, a pintora Anita Malfatti e o compositor Heitor Villa-Lobos.

As atividades eram variadas: atuar, dançar, jogar croquet, provar pratos preparados pelo anfitrião e admirar as pinturas espalhadas pelos cômodos, inclusive no banheiro. Durante seu auge, entre 1904 e 1924, os encontros ocorriam até cinco vezes por semana. Freitas Valle morreu em 1958 e dois anos depois a propriedade foi vendida. Em 1961 estava demolida.

Publicidade