Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês

Bolsonaro é multado pela 7ª vez por não usar máscara em SP

A multa pode chegar a até R$ 1,5 milhão

Por Redação VEJA São Paulo Atualizado em 7 set 2021, 19h53 - Publicado em 7 set 2021, 19h52

O Governo do Estado de São Paulo multou, pela sétima vez, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) pela falta de uso de máscaras em local público nesta terça-feira (7). Além de presidente, outras 13 autoridades também foram multadas pela falta da proteção.

O ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, o secretário especial de Cultura, Mário Frias, além de cantores, empresários e parlamentares não usaram máscaras durante manifestações a favor do governo federal na capital paulista. As multas serão enviadas via Correios.

De acordo com o governo do estado, Bolsonaro é reincidente porque já cometeu a infração seis vezes. A multa pode chegar a até R$ 1,5 milhão.

Confira a lista de autoridades multadas pela falta do uso de máscara de proteção:

– André Porciuncula – Subsecretário de Fomento e Incentivo à Cultura;
– Carla Zambelli – Deputada Federal (SP)
– Danilo Balas – Deputado Estadual (SP)
– General Girão Monteiro – Deputado Federal (RN)
– Luciano Hang – Empresário
– Marcio Labre – Deputado Federal (RJ)
– Marco Feliciano – Deputado Federal (SP)
– Magno Malta
– Mário Frias – Secretário Especial de Cultura
– Netinho – Cantor
– Silas Malafaia
– Suellen Rossin – Prefeita de Bauru (SP)
-Tarcísio Gomes de Freitas – Ministro da Infraestrutura

  • Continua após a publicidade
    Publicidade