Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês

Bolsonaro é multado pela quinta vez pelo Governo de São Paulo

Presidente descumpriu mais uma vez a lei que obriga o uso de máscaras; valor total das multas pode chegar a R$ 3 milhões

Por Redação VEJA São Paulo Atualizado em 21 ago 2021, 11h34 - Publicado em 21 ago 2021, 11h29

O Governo do Estado de SP multou, pela quinta vez, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) pela falta de uso de máscaras em local público.

Dessa vez, o presidente descumpriu a Lei Federal nº 14.019 de 2020 em Iporanga e Eldorado, na região do Vale do Ribeira. O governo paulista afirma que Bolsonaro caminhou pelas duas cidades sem a máscara, sendo duplamente autuado por isso. As multas em casos de infrações sanitárias graves (Lei nº 6.437 de 1977) têm valor fixado de até R$ 1,5 milhão. As novas multas serão enviadas via Correios.

O primeiro caso relacionado ao descumprimento da Lei ocorreu no dia 12 de junho, durante a motociata na capital paulista. A segunda vez aconteceu em Sorocaba, em 25 de junho. Já a terceira multa ocorreu em Presidente Prudente, no dia 31 de julho, quando Bolsonaro provocou aglomeração em um novo passeio de moto seguida da visita a um hospital da cidade.

Somadas, as cinco multas podem chegar a um valor de R$ 3 milhões

Continua após a publicidade
Publicidade