Clique e assine por apenas 6,90/mês

Alergia severa leva Sofia de volta a hospital em Miami

Com doença rara, garotinha passou por transplante em abril, quando teve trocados estômago, fígado, pâncreas, intestino delgado e intestino grosso 

Por Estadão Conteúdo - Atualizado em 5 Dec 2016, 12h14 - Publicado em 26 Jul 2015, 19h03

A menina Sofia Gonçalves de Lacerda, de um ano e meio, voltou a ser internada neste sábado (25) no Jackson Memorial Hospital, em Miami, Estados Unidos.

+ Com doença rara, bebê Sofia passa por transplante

De acordo com sua mãe, Patrícia Lacerda, a criança está com alergia severa e passa por exames. É a segunda internação da criança brasileira após ter recebido alta do transplante de cinco órgãos do aparelho digestivo a que foi submetida no hospital americano, no dia 10 de abril deste ano.

A primeira volta ao hospital, uma semana após a alta, também foi causada por reação alérgica. Segundo Patrícia, os exames iniciais não apontaram a causa da alergia.

A menina apresenta vermelhidão e coceira nos braços e nas pernas. A suspeita é de que seja reação a algum dos dezessete medicamentos que vem tomando.

+ Confira as últimas notícias

Sofia é portadora de uma doença rara, Síndrome de Berdon, e não teria chance de sobrevivência sem o transplante multivisceral – ela teve trocados estômago, fígado, pâncreas, intestino delgado e intestino grosso.

A família fez campanha em redes sociais e conseguiu na Justiça que o governo brasileiro pagasse o transplante no exterior. O retorno para casa, em Votorantim, região de Sorocaba, só deve ocorrer em 2017.

Publicidade