Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Adolescente de 16 anos é morta na Zona Oeste por ex-namorado

Homem de 24 anos não aceitava o fim do relacionamento e tentou suicídio após cometer o crime

Por Redação VEJA São Paulo Atualizado em 16 jun 2021, 20h20 - Publicado em 16 jun 2021, 20h19

Uma adolescente de 16 anos foi morta a tiros na noite de terça-feira (15), no bairro da Lapa, na capital paulista, vítima de feminicídio. O caso ocorreu na Rua Cerro Corá. Thalya Hellen foi assassinada no apartamento onde morava o ex-namorado, Thayan Alves, de 24 anos de idade.

Segundo informações do R7, o homem não aceitava o término do relacionamento entre os dois e Thalya foi até o apartamento na Lapa para conversar com o ex.

Thayan teria trancado o quarto e dado quatro tiros na adolescente, que morreu no local. Ele tentou se matar, mas não morreu após dar um tiro contra si mesmo. A polícia foi chamada e encontrou o jovem ainda consciente.

O homem foi levado para o Hospital das Clínicas, passou por cirurgia e permanece internado, sob escolta policial. O caso foi registrado na 4ª Delegacia de Defesa da Mulher e Thayan foi autuado em flagrante por feminicídio, violência doméstica e porte ilegal de arma de fogo: o revólver calibre 38 que ele usava estava com a numeração raspada.

  •  

     

     

    Continua após a publicidade
    Publicidade