Clique e assine por apenas 6,90/mês
Quentinhas Por Blog

Restaurantes para comemorar o Dia dos Pais

Nada como um farto e demorado almoço em família para comemorar o Dia dos Pais neste domingo (10), não é mesmo? Selecionamos casas de todo o Brasil que oferecem a atmosfera ideal para uma refeição tranquila e prazerosa. E o melhor: a maioria delas serve pratos caprichados, para dividir. Confira:   Lá em Casa (Belém) […]

Por Victoria Khatounian - Atualizado em 26 Feb 2017, 21h15 - Publicado em 8 Aug 2014, 20h42

Nada como um farto e demorado almoço em família para comemorar o Dia dos Pais neste domingo (10), não é mesmo?

Selecionamos casas de todo o Brasil que oferecem a atmosfera ideal para uma refeição tranquila e prazerosa. E o melhor: a maioria delas serve pratos caprichados, para dividir. Confira:

 

Continua após a publicidade
Continua após a publicidade

Lá em Casa (Belém)

Pato no tucupi, maniçoba e outros pratos regionais se revezam no bufê de almoço, montado todos os dias.

 

Continua após a publicidade
Continua após a publicidade

Estação Marupiara (Campinas)

Instalado em um imóvel tombado do século XIX que já foi armazém de café, possui um agradável jardim e atividades para as crianças.

Continua após a publicidade

 

Continua após a publicidade
Continua após a publicidade

Madalosso (Curitiba)

O gigantesco salão, com espaço para receber até 4 500 pessoas, virou cartão-postal da cidade. Aberto há mais de quatro décadas, o restaurante recebe turistas e moradores em busca de seu conhecido rodízio italiano, com dezoito receitas.

 

Continua após a publicidade
Continua após a publicidade

Di Taroni Trattoria (Florianópolis)

Em ambiente simples, marcado por quadros de temática italiana, são servidas receitas imersas em muito molho, todas elas servidas em porção suficiente para duas pessoas.

 

Continua após a publicidade
Continua após a publicidade

Colher de Pau (Fortaleza)

Para saborearem delícias típicas como peixada e baião de dois, os clientes escolhem entre as mesinhas do salão climatizado, da varanda ou da área ao ar livre, onde duas frondosas mangueiras completam o cenário.

Continua após a publicidade

 

Continua após a publicidade
Continua após a publicidade

Piquiras (Goiânia)

piquiras montagem

A casa conta com dois ambientes bem distintos: a varanda de clima informal, que costuma atrair grupos animados, e o salão de pé-direito alto e decoração requintada. Ambos recebem os pratos da culinária tradicional, boa parte deles marcada por ingredientes regionais.

 

Continua após a publicidade
Continua após a publicidade

Dalmo Bárbaro (Guarujá)

Ingredientes frescos atraem os fãs de peixes e frutos do mar. Aqui, eles aparecem em receitas clássicas, entregues em porções suficientes para duas pessoas.

 

Continua após a publicidade
Continua após a publicidade

Divina Gula (Maceió)

Continua após a publicidade

Com direito a varanda e a um agradável quintal nos fundos, a casa tem raízes fincadas em Minas Gerais e referências nordestinas.

 

Continua após a publicidade
Continua após a publicidade

Alentejo (Manaus)

Com móveis de madeira, espelhos e janelas envidraçadas, o restaurante serve receitas portuguesas em porção suficiente para três pessoas.

 

Continua após a publicidade
Continua após a publicidade

Camarões Potiguar (Natal)

camaroes potiguar montagem

Premiada seis vezes na categoria peixes e frutos do mar, a casa tornou-se célebre entre moradores e turistas justamente pelos mais de trinta pratos feitos com o crustáceo.

 

Continua após a publicidade
Continua após a publicidade

NB Steak (Porto Alegre)

Em sistema de rodízio, as guarnições e doze cortes de carne são entregues à mesa quando solicitados pelo cliente.

 

Continua após a publicidade
Continua após a publicidade

Oficina do Sabor (Recife)

Receitas regionais, como jerimum recheado, podem ser saboreadas ao frescor do salão climatizado ou no avarandado terraço, de onde se veem o Recife e muito verde nos quintais.

 

Continua após a publicidade
Continua após a publicidade

Casa de Tereza (Salvador)

No casarão erguido em 1836, Tereza Paim propõe um menu cheio de bossa, focado no uso criativo dos ingredientes do estado.

 

Continua após a publicidade
Continua após a publicidade

Rosa’s Churrascaria (Santo André)

Aos sábados e domingos, famílias de toda a região costumam ocupar as compridas mesas de madeira. A maior parte dos pedidos combina salada de escarola, filé à parmigiana e limonada.

 

Continua após a publicidade
Continua após a publicidade

São Pedro (Vitória)

É famoso pelas fervilhantes moquecas, que se tornaram a marca registrada do lugar. Segundo a proprietária, a base da fórmula campeã é composta apenas de cebola, tomate, coentro e (muito!) azeite.

MOQUECA DE BADEJO COM CAMARAO - SAO PEDRO - VITORIA

Publicidade