Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês
Quanto custa? Por Alice Padilha A repórter Alice Padilha descobre quanto custam serviços e produtos de diversas áreas na capital.

Quanto custam o pedágio mais caro e o mais barato do estado?

Tarifas foram reajustadas no começo de julho

Por Alice Padilha Atualizado em 6 ago 2019, 14h04 - Publicado em 29 jul 2019, 14h54

No último dia 1º, as tarifas de pedágio das rodovias estatuais paulistanos foram reajustadas em 4,66%. Muita gente se assustou com os novos valores, que chegam a quase 30 reais. Confira os preços do pedágio mais caros e o mais barato do estado de São Paulo:

Mais barato: Rodovia Professor Zeferino Vaz

A rodovia é um dos trechos da SP-332, que liga as zonas urbanas de Campinas e Cosmópolis. O pedágio funciona na rodovia com o Sistema Ponto a Ponto, calculado com base no trecho percorrido pelo usuário. Além das duas cidades, o trecho liga os distritos de Paulínia, Arthur Nogueira e Conchal.

Pórtico Cosmópolis: R$ 1,00

Mais caro: Anchieta-Imigrantes

Viajar para o mar, por outro lado, é mais salgado. O Sistema Anchieta-Imigrantes é um conjunto de seis rodovias que ligam a região metropolitana de São Paulo ao Porto de Santos. Além disso, o sistema passa por Cubatão, Guarujá e Praia Grande.

Anchieta (Riacho Grande): R$ 27,40

Imigrantes (Piratininga): R$ 27,40

Continua após a publicidade
Publicidade