Clique e assine por apenas 6,90/mês
Pop! Pop! Pop! Por Blog Novidades da cultura pop e da internet

Repórter de afiliada de Rede Globo é interrompido por “ataque de fofura”

"Deixa eu trabalhar", pediu o jornalista, sem conseguir segurar o riso

Por Redação VEJA São Paulo - Atualizado em 5 Feb 2020, 13h40 - Publicado em 5 Nov 2019, 18h31

Artur Lira, um jornalista da TV Paraíba, afiliada da Rede Globo, precisou interromper a gravação de uma reportagem por conta do aparecimento de um intruso para lá de fofo — um gatinho da cor preta e branca.

Na gravação publicada no Instagram, o repórter fazia uma passagem em frente a uma delegacia quando o felino começa a entrelaçar-se em suas pernas. Lira não aguenta e cai na gargalhada, pedindo que o câmera flagrasse o momento. “Agora, meu ‘fi’, está sujinho, hein? Ave Maria”, disse. Na sequência, ele faz uns afagos no pet e pede. “Deixa eu trabalhar, deixa eu gravar minha passagem, deixa.

Na sequência, eles mudam o enquadramento e, ainda assim, o bichano insiste em aparecer, desta vez dentro da caçamba de um carro. “Ele quer ficar famoso”, riu o jornalista. Veja o momento do flagra:

View this post on Instagram

Continua após a publicidade

Aquela hora que você tá gravando o texto e sente um gato passando entre as pernas 😂. Mas ele foi tão fofinho que não dá nem pra sentir raiva. Já pensou se fosse ao vivo? 🙈😂🐈😍 E quando mudei de lugar ele foi lá também. Acho que esse gato queria era ficar famoso. E tá conseguindo. #bastidores #jornalismo #petslover #gatosengraçados #vireijornalista #tvparaiba #tvcabobranco #showdavida #issoaglobonãomostra

A post shared by Artur Lira (@arturslira) on

+ OUÇA O PODCAST #SPsonha: O que fazer com as casas vazias e encalhadas?

Continua após a publicidade

Publicidade