Clique e assine por apenas 6,90/mês
Pop! Pop! Pop! Por Blog Novidades da cultura pop e da internet

Abaixo-assinado pede a exclusão de especial de Natal da Netflix

Entre os temas mais polêmicos da trama produzida pelo Porta dos Fundos está um suposto namoro de Jesus Cristo com outro homem

Por Redação VEJA São Paulo - 11 dez 2019, 09h45

Um abaixo-assinado digital com mais de 500 000 assinaturas quer derrubar o especial de Natal do grupo de humor Porta dos Fundos veiculado na Netflix. Além da plataforma de streaming e da produtora, a mobilização é endereçada à Câmara dos Deputados e ao Senado Federal.

O filme, intitulado A Primeira Tentação de Cristo e estrelado por Gregório Duvivier e Fábio Porchat é acusado de “ofender os cristãos”. Entre os temas mais polêmicos da trama estão um suposto namoro de Jesus Cristo, Duvivier, com outro homem, Porchat, e uma ceia de Natal caótica. Assista ao trailer:

https://www.youtube.com/watch?v=XP9lX27D4Vo

Bispo da Diocese de Palmares, em Pernambuco, Dom Henrique Soares da Costa pediu inclusive que os fieis cancelassem suas assinaturas da Netflix. “Eu exorto vivamente aos cristãos: neste Natal, proclame seu amor, sua fé, seu respeito em relação a Nosso Senhor Jesus Cristo; mostre que seu amor por Ele é real e ativo: cancele a assinatura da Netflix e lá, no menu apropriado, explique o motivo: “desrespeito por Jesus Cristo”, “desrespeito pelo cristianismo”, etc. Se você realmente crê e ama ao Senhor, não há outra atitude a tomar“, disse.

Continua após a publicidade

No Twitter, o Porta dos Fundos ironizou a iniciativa. “Enquanto tá rolando abaixo assinado contra, a gente comemora o sucesso de mais uma criação de Deus: nosso Especial de Natal”, diz o texto que também contém um link para o abaixo-assinado, caso alguém “queira assinar”.

Publicidade