Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês
Pop! Pop! Pop! Por Blog Cultura pop, TV e o que repercute nas redes sociais

Em vídeo, paizão enfrenta gagueira para ler a história favorita da filha de apenas 6 anos de idade

Um ex-soldado do Texas, nos Estados Unidos, provou que o amor é capaz de transpor todas as barreiras: o veterano de 29 anos de idade sofre com uma severa gagueira mas, mesmo assim, nunca deixa de ler uma história de dormir para a sua filha de 6 anos de idade, Avery. Recentemente, o Lance Lambert registrou […]

Por VEJASP Atualizado em 25 fev 2017, 21h12 - Publicado em 17 nov 2016, 17h34

ABRE04

Um ex-soldado do Texas, nos Estados Unidos, provou que o amor é capaz de transpor todas as barreiras: o veterano de 29 anos de idade sofre com uma severa gagueira mas, mesmo assim, nunca deixa de ler uma história de dormir para a sua filha de 6 anos de idade, Avery. Recentemente, o Lance Lambert registrou o ritual noturno da família num vídeo que está emocionando os internautas.

+ Jovem de 27 anos será a primeira mulher a visitar todos os 196 países do mundo
+ Na Indonésia, gato não abandona túmulo da dona há um ano e comove a internet

No vídeo, o paizão aparece lendo a história favorita da filha, Aladin. A menina dá um beijo em sua testa e acompanha a leitura atentamente, enrolada num cobertor. “Ela adora quando eu leio e não se importa com a minha gagueira. É muito difícil e frustrante, mas eu sou o pai dela e é isso que pais fazem“, revelou o homem ao The Daily Mail. Ele também revelou que já se desculpou pela dificuldade: “Eu já pedi desculpas para ela por ser um pai que gagueja, mas ela disse que estava tudo bem e isso me fez amá-la ainda mais“, desabafou. Assista: 

[youtube https://www.youtube.com/watch?v=bDV01GFbRbw?feature=oembed&w=500&h=281%5D

Lance, que serviu duas vezes no Iraque, admite que a sua maior batalha é contra a gagueira que o acompanha no dia a dia desde a infância. “É horrível, passei a maior parte da minha vida deprimido por causa disso“, revelou. Agora, ele publicou o vídeo na esperança de que outras pessoas com o problema encontrem conforto: “Eu quero mostrar para futuros pais com gagueira que nós ainda podemos fazer um ótimo trabalho, é só um pouquinho mais difícil“.

Dê sua opinião: E você, o que achou do registro publicado por Lance Lambert? Deixe seu comentário e aproveite para curtir nossa página no Facebook.

Continua após a publicidade
Publicidade