Clique e assine por apenas 6,90/mês
Pop! Pop! Pop! Por Blog Novidades da cultura pop e da internet

Com a ajuda dos vizinhos, esta noiva conseguiu celebrar o casamento na rua onde cresceu

Susie Osei cresceu num bairro onde sempre se sentiu em casa: a cidade de Mt. Prospect, em Illinois, nos Estados Unidos. Então, quando chegou o dia de seu casamento, a mulher não hesitou e realizou a cerimônia no bairro onde nasceu e cresceu. + Após críticas a “tanquinhos” de ginastas no Rio, internauta dá resposta perfeita + […]

Por VEJASP - Atualizado em 26 Feb 2017, 10h36 - Publicado em 23 Aug 2016, 20h39

03

Susie Osei cresceu num bairro onde sempre se sentiu em casa: a cidade de Mt. Prospect, em Illinois, nos Estados Unidos. Então, quando chegou o dia de seu casamento, a mulher não hesitou e realizou a cerimônia no bairro onde nasceu e cresceu.

+ Após críticas a “tanquinhos” de ginastas no Rio, internauta dá resposta perfeita
+ Com apenas uma frase, Marta Suplicy resumiu o sentimento do eleitor no debate

O casamento dos sonhos, no entanto, foi um pouco mais complicado de organizar que festas mais “tradicionais”. Susie e seu marido, Miles, se conheceram no colégio e começaram a namorar em 2008. Eles ficaram noivos em janeiro, após oito anos juntos, e começaram a planejar a comemoração rapidamente por um motivo extremamente triste: a mãe da noiva tem Alzheimer e o casal queria que ela conseguisse participar (ao menos um pouco) da festança.

011

Continua após a publicidade

Foi então que o casal decidiu fazer a cerimônia no jardim da casa da família, na Rua South Pine, o lugar onde Susie cresceu e participou de festas e celebrações entre vizinhos. O pai dela não apenas adorou a ideia, mas disse que já tinha discutido com os vizinhos sobre a possibilidade de fechar o quarteirão para o casamento. “Ele mandou um e-mail para todos eles para garantir que eles não teriam problemas com a festa“, contou a noiva ao BuzzFeed.

001

05

Os vizinhos não apenas concordaram com o casamento, mas ajudaram a organizar a festa. As pessoas ofereceram seus gramados e árvores, por exemplo. Moradores que cresceram com Susie também colaboraram: um rapaz, que hoje é DJ, por exemplo, foi o responsável pela música da celebração. Os belos arranjos florais das mesas também foram feitos usando as flores do jardim de um amigo.

Continua após a publicidade

002

Uma padaria local preparou o bolo, mas um vizinho ajudou a transformá-lo com frutas e flores. “Ninguém acreditava no quão bonito tudo ficou“, explicou a jovem. Outros três homens também auxiliaram o pai da noiva a passar os fios com luzinhas pelas árvores da vizinhança. O irmão de Susie oficializou o casamento, um amigo foi responsável por gravar toda a celebração e todos os moradores do espaço deixaram que os convidados usassem seus banheiros em caso de emergência.

08

04

Continua após a publicidade

Emocionada, a noiva atribui o sucesso da cerimônia a todos os vizinhos que ajudaram, mas especialmente ao seu pai: “Ele foi o cérebro de toda a operação. Sem a presença da minha mãe, meu pai assumiu a responsabilidade e ajudou com a decoração e as flores para os centros de mesa, além de construir as portas pelas quais passamos após o fim do religioso“, explicou.

02

Apesar de mágico, o dia também contou com alguns momentos especialmente tristes: “A parte mais difícil foi que eu não contei com a minha mãe para todas as besteiras que noivas normalmente enfrentam. Eu precisava dela, e foi muito mais difícil do que eu imaginava passar por tudo isso sem ela… mesmo sabendo que ela estava logo ali, na minha frente“, contou Susie. Ver sua mãe dançando e se divertindo com seu pai e amigos de longa data da família, no entanto, fez a festa valer a pena: “Miles e eu não fazemos ideia de como agradeceremos todos que ajudaram“, comentou.

010

Continua após a publicidade

Dê sua opinião: E você, o que achou da emocionante cerimônia? Deixe seu comentário e aproveite para curtir nossa fanpage no Facebook.

Publicidade