Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês
Tudo Sobre Cinema

É grátis: CineSesc exibe festival dos melhores filmes on-line

Longas-metragens premiados, como Border e Guerra Fria, ficam disponíveis até 20 de setembro

Por Miguel Barbieri Atualizado em 21 ago 2020, 11h42 - Publicado em 20 ago 2020, 11h19

Bem mais enxuto do que em sua versão presencial, o Festival Sesc Melhores Filmes terá treze longas-metragens em sua adaptação on-line. A maioria é de produções brasileiras, como Divino Amor e Bacurau, que ficam disponíveis por um dia ou apenas só durante a exibição.

Para quem não quiser ficar preso a dias e horários, é melhor escolher os títulos que ficarão na plataforma do Sesc até 20 de setembro. É o caso, por exemplo, do fascinante e estranhíssimo Border, do polêmico drama sueco Rainha de Copas e do polonês Guerra Fria, romance indicado a três prêmios no Oscar 2019: melhor filme estrangeiro, fotografia e direção, para Pawel Pawlikowski.

O acesso é pelo site sescsp.org.br/cinemaemcasa.

Confira abaixo os premiados e os filmes que serão exibidos

Premiados nacionais 
Melhor Documentário pelo Público – Bixa Travesty
Melhor Documentário pela Crítica – Estou Me Guardando Para Quando o Carnaval Chegar
Melhor Fotografia pelo Público – Pedro Sotero (Bacurau)
Melhor Fotografia pela Crítica – Hélène Louvart (A Vida Invisível)
Melhor Ator Brasileiro pelo Público – Silvero Pereira (Bacurau)
Melhor Ator Brasileiro pela Crítica – Marco Nanini (Greta)
Melhor Atriz Brasileira pelo Público – Fernanda Montenegro (A Vida Invisível)
Melhor Atriz Brasileira pela Crítica – Grace Passô (Temporada)
Melhor Roteiro, Direção e Filme pelo Público e pela Crítica – Bacurau (Roteiro e direção Juliano Dornelles e Kleber Mendonça Filho)
Premiados Estrangeiros 
Melhor Ator Estrangeiro pelo Público e pela Crítica – Joaquin Phoenix (Coringa)
Melhor Atriz Estrangeira pelo Público e pela Crítica – Lupita Nyong’o (Nós)
Melhor Direção Estrangeira pelo Público e pela Crítica – Bong Joon-Ho (Parasita)
Melhor Filme Estrangeiro pelo Público e pela Crítica – Parasita
Programação
Sexta (21), 20h
Elegia de um Crime

Terceiro filme da série Trilogia do Luto. Desta vez, o foco está na mãe do diretor Cristiano Burlan, assassinada em Uberlândia pelo parceiro, em fevereiro de 2011.

Sábado (22), disponível por 24 horas
Divino Amor
Trata-se de uma visão do Brasil de 2027, que virou uma nação evangélica. O casal Joana e Danilo, interpretado por Dira Paes e Julio Machado, frequenta a igreja Divino Amor, que tem um método pouco ortodoxo de reaproximar marido e mulher. “Quem ama divide” é o lema da congregação e, assim, a troca de parceiros rola à vontade.

Domingo (23), disponível por 24 horas
Los Silencios
Amparo (Marleyda Soto) encontra seu marido desaparecido após fugir com seus filhos do conflito armado colombiano. Ele vive numa ilha povoada por fantasmas no Rio Amazonas.

Domingo (23), apenas às 20h
Bacurau
Num misterioso clima de suspense e ambiência rural futurista, o fictício povoado de Bacurau, no sertão pernambucano, sofre com o abastecimento de água, além de um grupo de americanos estar preparando crimes em massa. A cidade já desapareceu literalmente do mapa, assim como alguns habitantes. A resistência de moradores será a mola propulsora para um levante.

Filmes disponíveis de 20 a 26 de agosto 

Inferninho
Todo filmado dentro do bar, o filme traz à tona o drama de Deusimar (Yuri Yamamoto). Dona do Inferninho, a travesti se apaixona por um marinheiro (Démick Lopes) e adia os planos de conhecer o mundo.

Continua após a publicidade

Torre das Donzelas
Além da ex-presidente Dilma Rousseff, outras mulheres dão depoimento no documentário, que traz à tona as histórias de presas políticas durante a ditadura militar.

Chuva é Cantoria na Aldeia dos Mortos
Um jovem indígena craô se recusa a ser xamã e foge para a cidade.

No Coração do Mundo
Em Contagem, na região metropolitana de Belo Horizonte, Marcos e Ana (Leo Pyrata e Kelly Kiefer) são namorados, mas têm caráter distinto. Enquanto ele se envolve com o mundo do crime, ela ganha a vida como cobradora de ônibus.

+Assine a Vejinha a partir de 6,90

Filmes disponíveis de 20 de agosto a 20 de setembro

Guerra Fria
O romance polonês teve três indicações ao Oscar: melhor filme estrangeiro, diretor (Pawel Pawlikowski) e fotografia. A história cobre um período de quinze anos da vida dos protagonistas, Wiktor e Zula, papéis de Tomasz Kot e Joanna Kulig. Eles se conhecem em 1947 ao integrar um grupo de cantores e dançarinos. Há um flerte e diferenças de posicionamento político. Apaixonados, vão se separar após o pianista Wiktor, fã de jazz (banido da Polônia comunista), fugir para Paris.

Rainha de Copas
O drama dinamarquês traz a excelente Trine Dyrholm (de Nico, 1988) como a advogada Anne. Ela mora com o marido e as duas filhas pequenas e trabalha como defensora de crianças e jovens que foram molestados. Também acolhe com cuidado o enteado Gustav (Gustav Lindh), que passa a viver com eles. O relacionamento do rapaz com a madrasta fica cada vez mais íntimo e Anne usa Gustav como objeto de seu prazer.

Border
Em roteiro bastante original, Tina (Eva Melander) se acha feia e possui um faro raro, tanto que é uma figura fundamental como funcionária da alfândega de um porto na Suécia. Ao conhecer o esquisito Vore (Eero Milonoff), que tem feições iguais às suas, ela vai descobrir sua verdadeira origem.

Cine São Paulo 
Seu Chico cresceu brincando no cinema de seu pai, na cidade de Dois Córregos. Agora, o local passa por uma reforma para voltar a funcionar.

  • Quer me seguir nas redes sociais? Anote: 

    Facebook: facebook.com/paginadoblogdomiguel
    Twitter: @miguelbarbieri
    Instagram: miguelbarbieri
    YouTube: Miguel Barbieri Jr. 

    Continua após a publicidade
    Publicidade