Clique e assine por apenas 6,90/mês
Memória Por Blog Uma viagem no tempo às décadas passadas por meio de suas histórias, costumes e curiosidades.

As inesquecíveis promoções infantis da margarina Delícia Cremosa

Como as crianças foram conquistadas pelo produto nos anos 70 e 80

Por Roosevelt Garcia - 13 mar 2018, 11h57

Houve um tempo em que margarina no Brasil era sinônimo de “graxa pra carroças”, como se dizia na época. Isso porque ela tinha de resistir ao clima quente do nosso país sem derreter, e por isso sua fórmula trazia alguns ingredientes que não agradavam aos paladares em geral. Isso mudou em 1959, com um produto da Sanbra – Sociedade Algodoeira do Nordeste Brasileiro –, que criou uma margarina suave com uma grande inovação. Delícia foi a primeira margarina do país a ser distribuída em caminhões refrigerados e mudou completamente a imagem desse tipo de produto no Brasil, pois tinha um sabor agradável, e estava sempre geladinha. A Delícia logo caiu nas graças do consumidor, fazendo com que outras marcas adotassem também uma reformulação de seu sabor e a distribuição refrigerada.

Um dos primeiros caminhões refrigerados a transportar a margarina Centro de Memória Bunge/Divulgação

Com o passar dos anos, a margarina Delícia se manteve em evidência, pois sempre vinha com alguma inovação no mercado. Foi dela, por exemplo, a ideia do uso de embalagens reaproveitáveis nos anos 60, tampas com descontos para o Passaporte da Alegria do Playcenter e até promoções que distribuíram casas pré-fabricadas.

Promoção Delícia, que dava desconto no Playcenter Centro de Memória Bunge/Divulgação

Nos anos 70, com o lançamento da Delícia Cremosa, um novo público-alvo foi identificado pela marca: as crianças, e a partir de 1978, a margarina lançou várias promoções com colecionáveis para a garotada. A primeira delas foi a coleção Hanna-Barbera. Cada tampa das embalagens vinha com um personagem impresso para colecionar. Entre eles estavam o Capitão Caverna, Elefantástico, Rabugento, Lula Lelé, Formiga Atômica, Careta & Mutreta, Tutubarão, Esquilo Secreto e Bionicão.

Anúncio da Coleção Hanna-Barbera, lançada em 1978 Centro de Memória Bunge/Divulgação

No ano seguinte, as corridas de Fórmula Um foram o tema das campanhas infantis da Delícia. Em cada pacote com duas embalagens de 250 gramas da margarina vinha uma coleção de adesivos de escuderias da Fórmula Um pra colecionar. E nos pacotes com duas embalagens de 500 gramas, o comprador ganhava dois carrinhos e seus adesivos.

Continua após a publicidade
Colecionáveis da Fórmula Um, de 1979 Centro de Memória Bunge/Divulgação

Em 1980, aconteceu a promoção que mais traz saudades às crianças daqueles tempos. As tampas das embalagens vinham com figuras de super-heróis, atingindo também o público adolescente, além do infantil. Mulher-Maravilha, Super Homem, Batman & Robin e Aquaman eram as estrelas dos potes de Delícia Cremosa. No ano seguinte, a promoção continuou, e os colecionáveis também incluíram outros itens, como adesivos dos personagens e uma cartela com o “Jogo Superamigos”, um jogo de tabuleiro que usava as tampas impressas como peças.

Adesivos Super Herois, 1981 Centro de Memória Bunge/Divulgação

As inovações tecnológicas da Delícia ditaram as regras do mercado desde os anos 50, mas para nós, crianças das décadas passadas, o que marcou mesmo foi a ousadia da empresa de investir em temas para um público-alvo que não comprava margarina: dependia dos pais pra isso. E deu muito certo!

Cartela com o Jogo Super Amigos, de 1981 Centro de Memória Bunge/Divulgação

 

Publicidade