Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês
Bichos Tudo sobre o mundo pet

China proíbe criação de cachorros para consumo humano

A decisão consta na atualização do Diretório de Recursos Genéticos Para Pecuária e Agricultura feita ontem (29)

Por Redação VEJA São Paulo 30 Maio 2020, 12h33

Em meio a pandemia de Covid-19, a China tomou uma decisão que chamou atenção do mundo: retirou cachorros da lista de animais que podem ser criados para consumo humano. A alteração consta na atualização do Diretório de Recursos Genéticos Para Pecuária e Agricultura feita ontem (29).

Em abril, já havia pistas que essa decisão poderia ser tomada, já que o Ministério da Agricultura da China emitiu um documento recomendando que cães não fosse encaixados mais no rol de animais que servem à pecuária.

Desde janeiro, a venda de animais silvestres está proibida no país.

Continua após a publicidade

Publicidade