Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês

Um traço da Bahia

VejaSP:

Resenha por Tatiane de Assis

Neste ano, o recifense Kilian Glasner morou por quatro meses na Chapada Diamantina, na Bahia. De lá, trouxe muitas anotações e fotos de quedas-d’água e vegetações que o inspiraram na criação de treze obras inéditas, como Mergulho Cromático (abaixo), parte da mostra Natureza Incontornável. “Não considero meu trabalho hiper-realista”, afirma. Dica: chegue bem perto dos desenhos para reconhecer seus traços. Até 25 de novembro.

Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.