Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Tutto Fellini

VejaSP:

Resenha por Jonas Lopes:

Em parceria com o Instituto Moreira Salles, o Sesc Pinheiros recebe a megaexposição. Cerca de 400 itens selecionados por Sam Stourdzé, diretor do Musée de l’Elysée, em Lausanne, ocupam o 2º andar do espaço. São fotos de bastidores, documentos pessoais, desenhos, cartazes, revistas, trechos de filmes e entrevistas. O espectador pode conferir um amplo painel da vida e da obra de Federico Fellini (1920-1993), um dos cineastas mais influentes da história. A organização de Tutto Fellini se dá por meio de núcleos temáticos. Uma das surpresas é o eixo sobre o envolvimento de Fellini com a cultura popular. O melodrama típico das fotonovelas, por exemplo, sempre marcou seus longas. A religião, o circo e a publicidade também aparecem por aqui. Não ficou de fora sua relação com a figura feminina, personificada de várias maneiras em clássicos como A Doce Vida, Noites de Cabíria e Oito e Meio — mães, prostitutas e divas ninfomaníacas, vividas por Giulietta Masina, Anna Magnani e Anita Ekberg, entre outras. Mais uma joia presente na seleção: o Livro dos Sonhos. Trata-se de uma série de desenhos feitos por Fellini de 1960 a 1990 a partir de material sonhado por ele por sugestão de um psicanalista. Há inclusive cenas de delírio erótico. De 06/07/2012 a 16/09/2012.

Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.