Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês

Processo de Conscerto do Desejo

Tipos de Gêneros dramáticos: Monólogo dramático
VejaSP:
  • Direção: Matheus Nachtergaele
  • Duração: 60 minutos
  • Recomendação: 14 anos

Resenha por Dirceu Alves Jr.

Transformar a experiência pessoal em arte é um caminho de inspiração recorrente para atores e dramaturgos. Levar sofrimentos e traumas para o palco, no entanto, exige uma dose extra de coragem e desprendimento. Os espetáculos Luis Antonio — Gabriela (2011) e Estamira — Beira do Mundo (2012) são os exemplos mais bem-sucedidos dos últimos anos. Criador e protagonista do monólogo Processo de Conscerto do Desejo, Matheus Nachtergaele oferece ao público uma imagem idealizada de sua mãe, a poeta Maria Cecília Nachtergaele, que se matou quando ele tinha só três meses, em 1968, aos 22 anos. O sofrimento do filho fica disfarçado, e Nachtergaele transforma-se na própria personagem trazendo à tona poemas escritos por ela, canções de sua preferência, como Io Che Amo Solo Te, e reconstituindo história ouvidas no decorrer da vida. Em sua entrega, o ator traça um retrato lírico de Maria Cecília e foge do aprofundamento em temas pessoais e mais dramáticos. O público se comove, e o protagonista, embebido de arte, se coloca no lugar da mãe na tentativa de entender suas motivações. Nachtergaele é apoiado pelos músicos Luã Belik (violão) e Henrique Rohrmann, no violino. Estreou em 7/4/2016. Até 30/4/2017.