O Maior Amor do Mundo

Tipos de Gêneros dramáticos: Comédia dramática
VejaSP
starsstarsstarsstarsstars

Resenha por Miguel Barbieri Jr.

A primeira vez foi até simpática. A segunda, nem tanto. Agora, será preciso uma dose extra de boa vontade para embarcar (de novo!) numa comédia dramática que, na esteira de uma data comemorativa, entrelaça encontros e desencontros de um punhado de personagens. Depois de explorar o clima cor-de-rosa do Dia dos Namorados (em Idas e Vindas do Amor) e do réveillon (Noite de Ano Novo), o diretor Garry Marshall, de Uma Linda Mulher, repete-se com uma homenagem pueril às mães. Sobram conflitos familiares esquecíveis e tipos superficiais em O Maior Amor do Mundo, a começar pela apresentadora solitária de TV interpretada por Julia Roberts. A peruca chamativa da atriz, no caso, acaba roubando a cena. Mais sorte teve Jennifer Aniston, até convincente no papel de uma decoradora bem-sucedida às voltas com a arrepiante ideia de lidar com a nova madrasta jovem e bonitona dos dois filhos, interpretada por Shay Mitchell. Estreou em 5/5/2016.

    info
  • Direção: Garry Marshall
  • Duração: 118 minutos
  • Recomendação: 10 anos
  • País: Eua
  • Ano: 2016
Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s