Justiceiro indígena

Resenha por Tatiane de Assis

Do cruzamento da Rua Sena Madureira com a Domingos de Morais, já é possível avistar o indígena azulado, figura-símbolo da produção do grafiteiro paulistano Cranio, com uma lança na mão. “É um personagem inspirado no videogame Assassin’s Creed. Ele faz justiça, e uma de suas missões é eliminar a corrupção”, afirma o artista. O mural foi produzido em 2015, na empena do Edifício Marta, na Vila Mariana. Tem 23 metros de altura e cerca de 12 de largura. A obra foi erguida em seis dias e consumiu 300 latas de spray.

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de 49,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.