Clique e assine por apenas 5,90/mês

Insônia — Titus Macbeth

Tipos de Gêneros dramáticos: Tragédia
VejaSP:

Resenha por Dirceu Alves Jr.

Ao entrar no espaço cênico do 13º andar do Sesc Avenida Paulista, o público se vê diante de uma instalação que oferece diferentes ambientes na mesma sala. É fundamental, em alguns momentos, a circulação para melhor visualizar as belas cenas de Insônia — Titus Macbeth, espetáculo dirigido por André Guerreiro Lopes, baseado em duas tragédias de William Shakespeare. O gosto amargo do poder une as duas histórias, interligadas por uma dramaturgia construída por Sérgio Roveri e pelo diretor, plenamente compreensível, mesmo para quem não carrega referências prévias das obras. Djin Sganzerla interpreta Lady Macbeth, a mulher que não mede esforços para derrubar todos aqueles que fazem oposição ao marido, o general que intitula a peça (vivido por Dirceu de Carvalho), na sucessão ao trono escocês. A ambição caminha para a loucura, e o casal se percebe vítima das próprias artimanhas. Também com as mãos sujas de sangue, o general Titus (representado por Helena Ignez) retorna a Roma e dá início a um processo sem limites de terror e vingança, possível de se voltar contra ele mesmo. Guerreiro Lopes construiu um ambiente que oferece diferentes estímulos em uma experiência capaz de seduzir o público. Destaque absoluto, Djin alcança uma presença magnética como Lady Macbeth, enquanto Helena confere contornos míticos a seu papel. Michele Matalon, Samuel Kavalerski e Camila Bosso completam o elenco de atores e bailarinos em permanente provocação (90min). 16 anos. Estreou em 13/9/2019. Até 20/10/2019.

    info
  • Direção: André Guerreiro Lopes
  • Duração: 90 minutos
  • Recomendação: 16 anos
Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.