Duas Metades e Um

VejaSP
starsstarsstarsstarsstars

Resenha por Tatiane de Assis

Pássaros e personagens encapuzados habitam a mostra Duas Metades e Um, no contêiner da Baró Galeria. As aves, produzidas por Andrey Rossi, surgem em suportes nada homogêneos, como um pedaço de lona de caminhão em papéis oxidados. os mascarados, como Cavaleiro 1 (à esq.; 2018), são de autoria de Thiago Toes. Carregam consigo a história do curitibano na pichação. Apesar da distância entre as pesquisas de Toes e Rossi, nota-se no conjunto uma preocupação com a composição, que muitas vezes se apoia no uso de linhas e retângulos. Até 19 de janeiro.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s