Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

A Estrada de Wolokolamsk

Tipos de Gêneros dramáticos: Drama
VejaSP:

Resenha por Dirceu Alves Jr.

A atriz Esther Góes ostenta um repertório de peças de Bertolt Brecht, Maximo Gorki e Friedrich Dürrenmatt, muitas de conotação política. No drama A Estrada de Wolokolamsk, ela propõe um diálogo sobre as recentes decepções ideológicas no mundo baseado em um texto do alemão Heinner Müller que fala do desencanto com o fim do bloco socialista. Dividida em cinco quadros, a encenação se mostra irregular. Na abertura, um tanto morna, um soldado desertor enfrenta problemas com o Exército. Em outra história, Esther brilha ao recorrer à farsa trágica na composição de um insano funcionário público sufocado pela rotina burocrática. Mais impactante é o desfecho. Um poderoso político de outrora (representado por Esther) defende suas ideias para o filho adotivo (papel de Ariel Borghi), incapaz de compreendê-lo. Cheio de desprezo, o rapaz o acusa de ultrapassado, e a discussão remete a uma geração que teve as convicções abaladas em um espaço tão curto de tempo que não percebeu isso. Com Marcelo Reis, Jean Dandrah e Leandro Bitar. Estreou em 29/9/2017.

    info
  • Direção: Ariel Borghi e Esther Góes
  • Duração: 70 minutos
  • Recomendação: 10 anos
Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.