Feriado

Atrações celebram o Dia da Consciência Negra em São Paulo

Shows, exposições, oficinas e outros programas para a data

Por: Redação VEJA SÃO PAULO - Atualizado em

Nesta terça (20) é celebrado o Dia da Consciência Negra. A data — que homenageia o Quilombo dos Palmares, um dos principais símbolos da resistência à escravidão no Brasil — é lembrada na cidade com shows, exposições, festas e atrações especiais.

Só no Parque do Ibirapuera, por exemplo, é possível conferir a abertura de três mostras no Museu Afro Brasil, participar de aulas e rodas de capoeira e também curtir shows de Martinho da Vila, Max de Castro e Simoninha, Emicida e da escola de samba Nenê da Vila Matilde.

Veja abaixo a programação por toda cidade:

 

  • Representante brasileiro na Bienal de Veneza de 1978, o naïf fluminense Júlio Martins da Silva ganha a mostra O Mundo Embrulhado para Presente, com dezenove obras selecionadas pelo pintor Paulo Pasta. A produção do artista se concentra principalmente nas paisagens. Preços não fornecidos. De 14/11/2012 a 19/12/2012.
    Saiba mais
  • O parque realiza uma série de atividades para marcar a influência e a contribuição da cultura negra para a formação do Brasil. Shows, apresentação de bateria de escola de samba, aula de capoeira e outras atrações fazem parte do evento. Confira a agenda completa abaixo: Arena de Eventos (20/11/2012) 10h — Ato Ecumênico de boas-vindas Exposição de artesanato e produtos de comunidades quilombolas Exposição de publicações da Fundação Cultural Palmares 10h30 — Grupo de Congada de Santa Ifigênia 12h — Aulas e Roda de Capoeira 13h — Show com o rapper Emicida 15h — Samba Rural Paulista-Samba de Roda de Dona Aurora 16h — Bateria da escola de samba Nenê da Vila Matilde 17h — Baile do Simonal com Max de Castro e Simoninha 18h — Lançamentos de Publicações da Palmares Gramado entre a Marquise e o Auditório Ibirapuera 19h — Show com Martinho da Vila
    Saiba mais
  • Escolhido para protagonizar um dos maiores ícones da música brasileira, Danilo de Moura encerra temporada paulista de Tim Maia – Vale Tudo e comemora o Dia Nacional da Consciência Negra com show gratuito de sua banda, a Cia MilCento e Onze. No repertório do show, além de algumas faixas autorais a banda também fará a plateia vibrar com clássicos de Tim Maia. Dia 20/11/2012.
    Saiba mais
  • Às 9h30 acontece a missa do Dia da Consciência Negra na Catedral da Sé. O ritual religioso será conduzido pela pastoral Afro. Dia 20/11/2014.
    Saiba mais
  • Talentoso baterista, o carioca acompanhou estrelas como Elis Regina e Roberto Carlos e até hoje compõe a banda de Chico Buarque. Desta vez, Wilson das Neves assume o microfone para entoar as faixas espertas dos discos O Som Sagrado de Wilson das Neves (1996), Brasão de Orfeu (2004) e Pra Gente Fazer Mais um Samba (2010). Ele divide o palco com BNegão, que faz participação especial, e mais sete instrumentistas. Dia 20/11/2012.
    Saiba mais
  • Dalua, músico há vinte anos e capoeirista há trinta, ao lado do exímio cantador mestre da capoeira, Maurão, apresentam um show em que resgatam e renovam sem desfigurar, o gênero samba de roda e a capoeira. Livre para todos os públicos. Dia 20/11/2012.
    Saiba mais
  • Área Externa 11h – Contação de História: Agbala Conta com Giselda Perê e Estela 11h30 – Contação de História: Kiusan Oliveira 12h45 – Congada de São Benedito do Conjunto Santo Ângelo, Moçambique de São Benedito de São Paulo -  Cambaiá e Congada Divino Espirito Santo 13h30 – Capoeira Regional com Mestre Suassuna 15h45 – Roda de Capoeira Angola com Mestre Brasília 17h30 – Afoxé Filhos da Coroa de Dada Intervenções: Tula Pilar, Emerson Pinzindim, Célia Aparecida dos Santos (retratista), Michel e Raquel do Elo da Corrente, Antônio de Souza Trio (violino, sanfona e percussão) e cenas do espetáculo "Sapatos Brancos". Marquise 11h – Chorinho com Henrique Araújo e Regional Imperial 15h – Nega Duda e o Samba de Roda do Recôncavo Baiano 16h – Fabiana Cozza convida: Velha Guarda da Camisa Verde e Branco, Tias Baianas Paulistas, Barão do Pandeiro, Ione Papas e Juliano Juba Palco 12h – Dj Gringo da Musicália 13h30 – Dj Gringo da Musicália 14h – Dj Simone Lasdenas convida Rael da Rima, Rashid, Lurdes da Luz, Amanda Negrasim, Carol Conka e Funk Buia 15h45 – Dj Gringo da Musicália 16h – Bebeto convida Luis Vagner, Nereu Mocotó, Uly Costa e Tereza Gama 18h – Fundo de Quintal convida Adriana Moreira, Chocolate e Graça Braga
    Saiba mais
  • O espetáculo reúne ritmos dos diversos povos que constituem a cultura brasileira. Após a apresentação dos dançarinos do grupo Batakerê, o público é convidado a participar de uma roda de samba. A apresentação faz parte da programação especial do Museu da Casa Brasileira em homenagem ao Dia da Consciência Negra. Dia 20/11/2012.
    Saiba mais
  • Programação do Dia da Consciência Negra: 15h – Exercício cênico "Memória Zumbi" Com Aquiles Silva, Douglas Campos, Maria Montenegro, Keila Sena e Paulo Alan Local: Auditório 16h – Contação de histórias "Hora do conto" Com Maria Montenegro Local: Piso térreo
    Saiba mais
  • Nascidos no Rio de Janeiro, no final do século XIX, em uma família numerosa e pobre, os irmãos Arthur Timótheo da Costa (1882-1922) e João Timótheo da Costa (1879-1932) participaram de diversas exposições nacionais e internacionais, marcando a pintura brasileira com obras que revelam competência e beleza. Com a exposição, o Museu Afro Brasil comemora seus 8 anos de fundação e pretende destacar a importância histórica e cultural dos dois pintores negros. Grátis. Até 02/06/2012.
    Saiba mais
  • Em homenagem a data, o museu organiza uma programação especial com atividades lúdico-educativas. Em Jogo da Memória e Qual Jogador Sou Eu?, o público conhece e reflete sobre a vida de atletas negros que marcaram a história do futebol brasileiro. Confira abaixo os horários. Dia 20/11/2013. Quarta (20) 14h às 15h30 - Jogo da Memória - Consciência Negra Quinta (21) 11h às 12h30 -  Qual Jogador Sou Eu? 14h às 15h30 - Mapa Mundi: a globalização do futebol e sua transformação social
    Saiba mais
  • Neste espetáculo circense que foca na cultura afro-brasileira, a capoeira, o maracatu e a percussão se misturam com os números do picadeiro. São atrações como equilíbrio no arame, contorção, monociclo, palhaços e outras. O ingresso custa R$ 8,00. Dia 20/11/2012.
    Saiba mais
  • Convidado por Emanoel Araujo para realizar um trabalho inédito para o Museu Afro Brasil, o fotógrafo Miro levou um ano para alcançar o resultado de "Pérolas Negras". Modelos, pessoas e até personalidades negras, como Zezé Motta e Milton Gonçalves, passaram pelas lentes da máquina do artista. Grátis. Até 07/04/2013.
    Saiba mais

Fonte: VEJA SÃO PAULO