Manifestação

Grupo organiza vigília em frente à Odebrecht em São Paulo

Manifestantes pretendem acender 800 velas para pedir que Marcelo Odebrecht revele detalhes sobre o do esquema de corrupção na Petrobras

Por: Veja São Paulo

Odebrecht
Odebrecht: manifestantes promovem ato em frente à sede da empresa neste domingo (21) (Foto: Taba Benedicto/ Folhapress)

Manifestantes prometem acender velas em frente à sede da construtora Odebrecht, em São Paulo, na noite deste domingo (21). O objetivo do grupo é pedir para que Marcelo Odebrecht, presidente da empresa preso na última sexta (19) durante nova fase da operação Lava-Jato, revele detalhes sobre o esquema de corrupção.

+ Petistas dizem que Lula é o “alvo” da Lava-Jato

“Já que meteram a mão no nosso dinheiro, que ele diminua o prejuízo, entregando Dilma e Lula”, disse Renato Oliveira, um dos organizadores da vigília. Ele ficou conhecido como o “Menino do Jô”, depois de defender o deputado federal Jair Bolsonaro no programa do apresentador da Rede Globo.

+ Lava-Jato: quem são e quanto cobram os defensores dos investigados

Marcelo Odebrecht,
Marcelo Odebrecht: empresário foi preso em São Paulo na manhã de sexta (19) (Foto: Bruno Poletti/Folhapress)

De acordo com Oliveira, a ação contará com aproximadamente 800 velas. “A ideia não é reunir um grande número de pessoas. Queremos apenas iluminar a mente do empresário.”

+ Dilma Rousseff é ruim para 65% do eleitorado, diz Datafolha

Marcelo Odebrecht e o presidente da construtora Andrade Gutierrez, Otávio Marques de Azevedo, estão entre os doze presos na nova fase da Lava-Jato. Detidos em Curitiba, eles devem começar a prestar depoimentos nesta segunda (22).

+ Confira as principais notícias da cidade

Fonte: VEJA SÃO PAULO