Cidades

Atos contra a lei da terceirização fecham vias em São Paulo

Protestos marcados centrais sindicais também são realizados em Salvador, Belo Horizonte, Porto Alegre, Vitória, São Luís e Fortaleza

Por: Estadão Conteúdo

protesto-contra-pl4330
Trabalhadores fecharam a pista sentido litoral da Rodovia Anchieta para protestar contra o projeto de lei que regulamenta a terceirização (Foto: Daniel SObral/Futura Press/Folhapress)

Centrais sindicais e movimentos sociais protestam em várias capitais, nesta quarta-feira (15), no "Dia Nacional de Paralisação contra o PL 4330/04". Os atos têm como objetivo marcar posição contra o projeto de lei que regulamenta o trabalho terceirizado no país. No início da manhã os atos ocorrem em São Paulo, Salvador, Belo Horizonte, Porto Alegre, Vitória, São Luís e Fortaleza.

Diante da aprovação do texto principal na semana passada e com a votação das emendas no plenário da Câmara dos Deputados, os sindicalistas se juntarão aos movimentos populares em pelo menos sete capitais, onde também promoverão paralisações em todas as categorias filiadas à Central Única dos Trabalhadores (CUT), CTB, NCST, Intersindical e CSP Conlutas. 

+ Tesoureiro do PT é preso pela Polícia Federal

Na capital paulista, por volta das 8h, manifestantes bloquearam a ponte da Cidade Universitária, na zona oeste. A Rua Alvarenga, na altura da Rua Afrânio Peixoto, próximo à entrada da USP, foi fechada pelo ato. Na Rodovia Anhanguera, que liga São Paulo com a região norte do Estado, cerca de 100 pessoas interditaram todas as faixas na altura do quilômetro 19, sentido da capital. A lentidão atinge do quilômetro 24.

+ Confira as últimas notícias

Na marginal sul da Anchieta, a via foi interrompida sentido São Paulo, na altura do KM 15. Por volta das 7h45, a pista do Rodoanel, no sentido da Rodovia dos Bandeirantes, também foi fechada por manifestantes, causando lentidão do quilômetro 12 ao 10. Na Rodovia Presidente Dutra, cerca de 100 caminhoneiros bloquearam a pista marginal, em Guarulhos, durante uma hora. O reflexo é lentidão que vai do quilômetro 219 ao 230, na expressa, do 222 ao 228; e do 230 ao 231.

Fonte: VEJA SÃO PAULO