Clowns de Shakespeare comemoram 20 anos com adaptação de ‘Hamlet’

Dirigido por Marcio Aurélio, <em>Retrato Dramático Medieval</em> é inspirado em montagem radiofônica de Bertolt Brecht

Depois de Sonhos de Uma Noite de Verão (1993), A Megera DoNada (1996), Muito Barulho Por Quase Nada (2003) e Sua Incelença Ricardo III (2010), os potiguares da Cia. Clowns de Shakespeare voltam a visitar a obra do bardo inglês com Hamlet — Retrato Dramático Medieval, que inicia temporada no Sesc Ipiranga, a partir de quinta-feira (4). A montagem marca as duas décadas de carreira do grupo que foi criado em Natal como uma experiência escolar.

+ Mais sobre teatro

Se a montagem anterior levou a assinatura de Gabriel Villela, agora a trupe é conduzida por Marcio Aurelio, da  cia. Razões Inversas. A adaptação, por sua vez, é inspirada numa versão radiofônica de Hamlet, criada por Bertolt Brecht.

Em vez de uma versão tradicional do clássico texto escrito em 1601, a companhia optou por uma montagem não linear, que privilegia uma abordagem da loucura e do desequilíbrio do protagonista (Joel Monteiro), que busca se vingar da morte do pai e recuperar o trono da Dinamarca.

Os ingressos custam de R$ 7,50 a R$ 30.

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s