Continua após publicidade

Sírio-Libanês fará projeto para Cracolândia

O principal objetivo do projeto será definir as melhores estratégias de continuidade do tratamento pelo dependente

Por Estadão Conteúdo
Atualizado em 2 jun 2017, 11h11 - Publicado em 2 jun 2017, 11h09

Coordenador do programa Redenção, plano municipal de combate à dependência química, Arthur Guerra anunciou na quinta-feira (1) que o Hospital Sírio-Libanês se ofereceu para desenvolver um projeto de como deverá ser a assistência aos usuários de drogas da Cracolândia.

“Eles são especialistas em montar um programa onde os objetivos sejam bem definidos, com avaliações periódicas e identificação dos recursos”, declarou.
O principal objetivo do projeto, de acordo com Guerra, será definir as melhores estratégias de continuidade do tratamento pelo dependente, após um período de internação.

 

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Para curtir o melhor de São Paulo!
Receba VEJA e VEJA SP impressas e tenha acesso digital a todos os títulos Abril.
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de R$ 39,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.