Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

São Paulo recebe mais de 500 mil doses da vacina de Oxford/AstraZeneca

O montante é cerca de um quarto dos 2 milhões de doses entregues pelo laboratório indiano Instituto Serum ao Ministério da Saúde

Por Redação VEJA São Paulo Atualizado em 24 jan 2021, 15h44 - Publicado em 24 jan 2021, 15h38

A primeira parte das 501 960 doses da vacina desenvolvida pelo laboratório AstraZeneca em parceria com a Universidade de Oxford chegou a São Paulo pouco antes do meio-dia deste domingo (24). O imunizante veio da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), no Rio de Janeiro, para o Aeroporto de Cumbica, em Guarulhos. Outro voo trará o restante das doses — a previsão é que aterrisse por volta das 16h15.

As vacinas foram levadas para o centro de distribuição do governo, em Pinheiros, na Zona Oeste.  A parcela recebida pelo Estado é cerca de um quarto dos 2 milhões de doses que foram importados do laboratório indiano Instituto Serum pelo Ministério da Saúde. São Paulo é a unidade da federação que vai receber mais doses dessa vacina.

Publicidade