Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Saúde dá previsão de data para vacinar novamente quem recebeu Janssen

Lote de 1 milhão de doses chegou na última terça-feira (16); Brasil deve receber mais 37 milhões de doses até o final do ano

Por Redação VEJA São Paulo Atualizado em 23 nov 2021, 11h54 - Publicado em 23 nov 2021, 11h42

Ministério da Saúde planeja aplicar uma segunda dose para aqueles que receberam a dose única da Janssen até o final deste ano. A informação vem após a fabricante pedir à Anvisa, na última sexta-feira (19), a inclusão da segunda dose da vacina no programa da vacinação brasileiro. A dose de reforço da Janssen já está aprovada nos Estados Unidos desde outubro.

O intervalo de aplicação da segunda dose da Janssen deve ser entre 2 e 5 meses. “Nossa projeção é que até final de dezembro todos terão vacina para tomar esse reforço”, disse Rosana Leite Melo, secretária de enfrentamento à Covid-19, em entrevista à Globo.

+ Como fica dose adicional para pessoas que tomaram vacina da Janssen?

No Brasil, 4.552.560 pessoas tomaram a primeira dose da Janssen. Na última terça-feira (16), chegou mais um lote de 1 milhão de doses, e o contrato com a fabricante prevê mais 37 milhões de vacinas até o final do ano. Segundo a secretária, as doses que sobrarem deverão ser utilizadas como dose de reforço para aqueles que tomaram Pfizer.

+Assine a Vejinha a partir de 6,90.

Continua após a publicidade

Publicidade