Corrutela (Desde 2018)

Tipos de Restaurantes: Cozinha de autor
VejaSP
starsstarsstarsstarsstars
Endereço: Rua Medeiros de Albuquerque, 256 - Vila Madalena - Vila Madalena - São Paulo - SP
Telefone: (11) 30322443
Horário:
segunda-feira
Fechado
terça-feira
19:00 - 23:00
quarta-feira
19:00 - 23:00
quinta-feira
19:00 - 23:00
sexta-feira
19:00 - 23:00
sábado
13:00 - 16:00 - 19:00 - 23:00
domingo
13:00 - 16:00
monetization_on

Faixa de preço

De R$116,00 a R$175,00

check_circle

Informações adicionais

Lugares/Capacidade total (46 lugares), Levar vinhos (permite) (R$ 60,00)

Resenha por Arnaldo Lorençato e Saulo Yassuda

Uma das receitas do chef Cesar Costa está entre as dez escolhidas para compor o ensaio de prato do ano. Aliás, trata-se de uma sobremesa, a île flottante sobre creme inglês de jenipapo, por R$ 27,00. A cozinha feita por ele é ao mesmo tempo criativa e pautada por preocupações como a origem do alimento e a sustentabilidade. Tanto que um dos pratos de maior sucesso do restaurante e que não está sendo servido neste momento é o ótimo steak de couve-flor. Há a versão do vegetal com laranja e capuchinha por R$ 44,00. A cada temporada, chegam sugestões como o patê de fígado de galinha com glacê de maçã e lâminas de rabanete fresco (R$ 15,00) e o tartare de alcatra no brioche (R$ 44,00). Outra sobremesa de destaque é o bolo cremoso de chocolate da casa 70%, deliciosamente amargo, com sorvete de kefir (R$ 27,00).

Informações checadas entre agosto e outubro de 2019.

 

    Comer e beber

    • 2019 - Vencedor

      Chef Revelação Comer & Beber .

      Para alguns profissionais, não basta apenas cozinhar. Tão importante quanto preparar receitas apetitosas — e não falta sabor aos pratos do Corrutela — é o cuidado com os ingredientes. Paulista de Piracicaba, o chef revelação Cesar Costa acompanha desde o campo as matérias-primas, em sua maioria orgânicas. Com esses insumos, inventou, por exemplo, um memorável steak de couve-flor. Mais do que isso, o jovem talento, de 28 anos, procura processar parte dos ingredientes no próprio restaurante. Em vez de comprar toda a farinha pronta, prefere investir no trigo em grão adquirido em Realeza, no sudoeste do Paraná. O mesmo acontece com o chocolate, feito com amêndoa de cacau de uma fazenda em Piraí do Norte, no sul da Bahia. Sua inspiração para adotar esses métodos vem de titulares de alguns estabelecimentos onde trabalhou, caso da consagrada Alice Waters, do americano Chez Panise, do arrojado Christian Puglisi, do dinamarquês Manfreds. Aliás, Costa, filho de um médico e uma dona de casa, pôs o pé na estrada muito cedo. Com apenas 19 anos embarcou para a República Checa e reforçou a equipe do La Degustation, em Praga, casa com uma estrela Michelin. “Sempre deixei as oportunidades me levar”, diz. Sua preocupação com a sustentabilidade vem dessa experiência internacional. Por isso, mantém uma composteira para descarte de alimentos na entrada do Corrutela. O próximo passo do chef é anexar ao restaurante um salão lateral, que será multiúso e deverá estar pronto depois do Carnaval. “Teremos um mercado, ou melhor, o estoque aberto do restaurante para levar para casa e uma seleção de vinhos orgânicos. Por uma janela aberta para a rua vamos vender um pão na chapa benfeito e tapioca.”

      Arnaldo Lorençato

    • 2019 - Participante

      Cozinha de autor Comer & Beber .

      Uma das receitas do chef Cesar Costa está entre as dez escolhidas para compor o ensaio de prato do ano. Aliás, trata-se de uma sobremesa, a île flottante sobre creme inglês de jenipapo, por R$ 27,00. A cozinha feita por ele é ao mesmo tempo criativa e pautada por preocupações como a origem do alimento e a sustentabilidade. Tanto que um dos pratos de maior sucesso do restaurante e que não está sendo servido neste momento é o ótimo steak de couve-flor. Há a versão do vegetal com laranja e capuchinha por R$ 44,00. A cada temporada, chegam sugestões como o patê de fígado de galinha com glacê de maçã e lâminas de rabanete fresco (R$ 15,00) e o tartare de alcatra no brioche (R$ 44,00). Outra sobremesa de destaque é o bolo cremoso de chocolate da casa 70%, deliciosamente amargo, com sorvete de kefir (R$ 27,00). 

      Arnaldo Lorençato e Saulo Yassuda

    • 2018 - Participante

      Cozinha de autor Comer & Beber .

      Quem diz que vegetal não tem sabor não conhece o Corrutela. No restaurante, o chef e sócio Cesar Costa comanda uma equipe jovem e afinada que trabalha em uma cozinha aberta, extrai o melhor de matérias-primas aparentemente banais como a couve-flor de aroma tostado sobre creme de sementes de girassol com avelã (R$ 48,00). Além dessa delícia, faz salada de folhas roxas com uma conserva de cogumelo porcini e queijo de cabra assado (R$ 38,00). Esses pratos podem ser saboreados à la carte ou em dois menus degustação: o herbívoro ou o onívoro, a R$ 95,00 cada um. Do mar, podem surgir ostra frita com molho tártaro de picles de morango (R$ 38,00) e o carapau na brasa com a salada coleslaw de flor amarela, repolho crespo, manga rosa, cenoura amarela, salsão, iogurte ao aïoli de alho verde (R$ 48,00). A seleção de doces inclui o brownie com sorvete de banana (R$ 24,00). (Informações checadas entre julho e setembro de 2018).

      Arnaldo Lorençato, Helena Galante e Saulo Yassuda

    Comentários
    Deixe um comentário

    Olá,

    * A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

    Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

    Logotipo do WordPress.com

    Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

    Foto do Google

    Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

    Imagem do Twitter

    Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

    Foto do Facebook

    Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

    Conectando a %s