Clique e assine por apenas 5,90/mês

Cava Bar

(Desde 2018)

Tipos de Bares: Drinques

VejaSP:

Endereço: Rua Guarará, 565 - Subsolo - Jardim Paulista - São Paulo - SP

Horário:

segunda-feira - Fechado

terça-feira - Fechado

quarta-feira 18:00 - 00:00

quinta-feira 18:00 - 00:00

sexta-feira 18:00 - 02:00

sábado 18:00 - 02:00

domingo - Fechado

Informações adicionais: Lugares/Capacidade total (50 lugares)

Resenha por Saulo Yassuda e Gabrielli Menezes

Encontre uma portinha banhada de iluminação vermelha na Rua Guarará e você terá a certeza de que chegou ao pequeno — e discreto — bar de drinques. Instalado em uma antiga residência abaixo do nível da calçada, o local é embalado por uma trilha sonora que pode contemplar tanto um hit pop dos anos 90 quanto uma canção de jazz mais melancólica. São poucos os lugares para acomodar o público, que mescla casais e grupos de amigos: um quintalzinho aos fundos, algumas bancadas encostadas nas paredes e o balcão, atrás do qual o bartender Diego Almirante Carvalho manda bem nos clássicos. Com bourbon, ele faz um bom new york sour (limão, Angostura e toque de vinho tinto; R$ 34,00) e o encorpado easy speak (com Cynar 70; R$ 30,00). Meio fora de moda (o que não quer dizer nada quanto à qualidade), o equilibrado wasabi martini (vodca, limão-siciliano e wassabi; R$ 28,00) é ardidinho de leve. Vale forrar o estômago com o tortano, um pão de calabresa já cortado em aperitivo e salpicado de manjericão (R$ 19,00).

Informações checadas entre agosto e outubro de 2019.

    Encontre uma portinha banhada de iluminação vermelha na Rua Guarará e você terá a certeza de que chegou ao pequeno — e discreto — bar de drinques. Instalado em uma antiga residência abaixo do nível da calçada, o local é embalado por uma trilha sonora que pode contemplar tanto um hit pop dos anos 90 quanto uma canção de jazz mais melancólica. São poucos os lugares para acomodar o público, que mescla casais e grupos de amigos: um quintalzinho aos fundos, algumas bancadas encostadas nas paredes e o balcão, atrás do qual o bartender Diego Almirante Carvalho manda bem nos clássicos. Com bourbon, ele faz um bom new york sour (limão, Angostura e toque de vinho tinto; R$ 34,00) e o encorpado easy speak (com Cynar 70; R$ 30,00). Meio fora de moda (o que não quer dizer nada quanto à qualidade), o equilibrado wasabi martini (vodca, limão-siciliano e wassabi; R$ 28,00) é ardidinho de leve. Vale forrar o estômago com o tortano, um pão de calabresa já cortado em aperitivo e salpicado de manjericão (R$ 19,00).

    Informações checadas entre agosto e outubro de 2019.