Um mantra poderoso para a cura

Instrutora de naam yoga, Giu Bergamo lembra que o som das palavras geram efeitos e que é possível meditar em movimento

“Ao acordar, inale e agradeça pela respiração da vida. Você está acordando para mais um dia e esse é o melhor dia.” É com pensamentos e palavras cheios de positividade que Giu Bergamo escolhe começar todas as manhãs. Convidada do episódio #21 do Jornada da Calma, a instrutora de naam yoga já trabalhou também como publicitária, bailarina, educadora física e professora de pilates. No papo com a editora Helena Galante, Giu lembra que os sons e mantras são instrumentos poderosos para reverberar o que queremos em nossas vidas.

“A meditação em silêncio não funcionava nada para mim. Descobri que podia meditar ativamente, com movimentos, e tudo mudou”, conta a professora que explica que a principal função da prática é abrir o coração. “Yoga é para a alegria, para fazer sorrir. A gente abre caminhos quando sorri.” Ela fala ainda sobre a experiência de fazer um retiro na Amazônia e retribuir o que a natureza nos dá. “Quero tocar as pessoas com o poder da espiritualidade prática.”

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s