Imagem Blog

Terraço Paulistano Materia seguir SEGUIR Seguindo Materia SEGUINDO

Notas exclusivas sobre artistas, políticos, atletas, modelos, empresários e pessoas de outras áreas que são destaque na cidade. Por Humberto Abdo.
Continua após publicidade

Em camarote da prefeitura, Covas defende fim de comes e bebes

Vice-prefeito também se mostrou mais magro durante o Carnaval

Por João Batista Jr. Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
Atualizado em 3 mar 2017, 21h29 - Publicado em 3 mar 2017, 19h17

Neste ano, o camarote da prefeitura não ofereceu bebida nem comida. Quem quisesse tomar cerveja tinha de desembolsar 7 reais. Com essa e outras medidas, a montagem do espaço custou 120 000 reais aos cofres públicos, ante 1,2 milhão em 2016.

“Tem gente que reclama, mas a situação do país pede isso”, defendeu o vice Bruno Covas, visivelmente menos rechonchudo. Ele pesava 103 quilos em novembro, mas de lá pra cá diminuiu dois furos no cinto. “Não sei meu peso atual”, despistou.

Sobre a possibilidade de Doria disputar o governo estadual ou até mesmo a Presidência, Covas foi ainda mais tucano: “É cedo para falarmos disso”.

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de R$ 39,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.