Imagem Blog

Pop! Pop! Pop! Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO

Por Blog
Cultura pop, TV e o que repercute nas redes sociais
Continua após publicidade

Após perder 120 quilos em três anos, rapaz publica “antes e depois” para conscientizar a web

“Foi apenas uma combinação de dieta e exercícios físicos“, conta John Burton, um doutor em astronomia da Inglaterra. Recentemente, o jovem de 27 anos resolveu compartilhar sua história em uma rede social — ele perdeu 117 quilos em apenas três anos. + Pai e filha comemoram aniversário com atos aleatórios de bondade + Casal encontrou a maneira […]

Por Tatiane Rosset
Atualizado em 26 fev 2017, 15h36 - Publicado em 16 jul 2015, 17h55

01

Foi apenas uma combinação de dieta e exercícios físicos“, conta John Burton, um doutor em astronomia da Inglaterra. Recentemente, o jovem de 27 anos resolveu compartilhar sua história em uma rede social — ele perdeu 117 quilos em apenas três anos.

+ Pai e filha comemoram aniversário com atos aleatórios de bondade
+ Casal encontrou a maneira perfeita de compartilhar o vídeo de seu noivado

John contou ao Buzzfeed que fazia questão de manter uma alimentação saudável, perdendo peso aos poucos e ganhando autoconfiança ao longo do processo. No entanto, há um problema em emagrecer radicalmente, mesmo quando feito da maneira cerca: o excesso de pele. Mesmo sabendo dessa consequência, o jovem não pensou duas vezes e partiu para a luta contra a obesidade mórbida.

Foi então que ele tomou uma atitude extremamente corajosa: John resolveu publicar em redes sociais fotos de seu corpo após o emagrecimento extremo. A intenção: conscientizar os internautas e ajudar quem passa pelo mesmo problema. “A melhor coisa é quando pessoas falam que eu as ajudei. Sem dúvida, isso faz com que a experiência seja 110% válida“, ele completa. Confira o “antes e depois”:

Continua após a publicidade

08

02

03

04

Continua após a publicidade

05

06

O rapaz poderia passar por uma cirurgia para remover o excesso de pele, mas ainda não tem certeza se o procedimento vale a pena por causa do alto custo e da recuperação dolorosa: “Agora eu estou aprendendo a gostar de como eu sou. Isso não é algo para sentir vergonha, são cicatrizes de batalha“. Isso mesmo, John!

Dê sua opinião: O que você achou da coragem de John em compartilhar sua história com os internautas? Deixe seu comentário e aproveite para curtir nossa fanpage no Facebook.

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Para curtir o melhor de São Paulo!
Receba VEJA e VEJA SP impressas e tenha acesso digital a todos os títulos Abril.
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de R$ 39,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.