Imagem Blog

Pop! Pop! Pop!

Por Blog
Cultura pop, TV e o que repercute nas redes sociais
Continua após publicidade

30 Tons de Sandy: Relembre as maiores ousadias da estrela

Sim, amigos, estamos todos ficando velhos: Sandy Leah, que há alguns anos estava perguntando para a Maria Chiquinha o que ela havia ido fazer no mato, faz 30 anos nesta segunda (28). É. Vocês leram corretamente. Sandy. 30 anos. Há pelo menos uma década, muitas das entrevistas com a cantora (e atriz, e produtora, e […]

Por Tiago Faria Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
Atualizado em 27 fev 2017, 11h31 - Publicado em 28 jan 2013, 06h00

Sim, amigos, estamos todos ficando velhos: Sandy Leah, que há alguns anos estava perguntando para a Maria Chiquinha o que ela havia ido fazer no mato, faz 30 anos nesta segunda (28). É. Vocês leram corretamente. Sandy. 30 anos.

Há pelo menos uma década, muitas das entrevistas com a cantora (e atriz, e produtora, e compositora) inclui perguntas medonhas do estilo Você tem medo da velhice? Sente saudade da época em que cantarolava modinhas sertanejas com o seu irmão Júnior? É verdade que o que é imortal não morre no final?, etc. E muitas dessas questões foram (e ainda são) feitas porque ninguém ainda consegue se livrar da imagem da pequena Sandy. É ou não é?

Pois bem: abandonemos de vez essa ilusão. Sandy é uma mulher casada, séria, discreta, jovem-pra-ser-velha e velha-pra-ser-jovem. E ela já tentou mostrar muitas vezes que não mais é aquela menininha ingênua que você conheceu nos anos 90. Parece simples. Mas não é.

Para relembrar toda essa loooonga trajetória, preparamos uma galeria com 35 fotos da cantora. Clique aqui para ver. Lá, você encontrará Sandy com Caetano, Gil, Gugu, Roberto Carlos, Hebe Camargo, Júnior (of course) e até com o Homem-Aranha (sério!). Está tudo lá.

Continua após a publicidade

Neste post aqui, o assunto é um pouco mais, hum, atrevido. Quais foram as maiores ousadias de Sandy-menina-mulher? Confira a seguir em nosso top 10:

10. Atuou em um filme de ficção-científica brasileiro

Vamos começar a lista por aquela que talvez tenha sido a ousadia mais dolorida (digna das páginas de 50 Tons de Cinza) da carreira de Sandy: a fita futurista Acquária (2003), que torturou muitos espectadores com uma trama sobre como o planeta Terra foi devastado pela falta de água etc e tal. Basta dizer que o maior destaque do elenco era um cachorrinho simpático.

Continua após a publicidade

9.  Encerrou a dupla com o Junior

Depois de 17 anos de sucesso, Sandy decidiu encerrar a dupla com o irmão para seguir em carreira-solo. A cantora diz, volta e meia, que essa foi a maior ousadia de sua carreira. Não duvidamos: desde então, ela tenta se firmar como uma estrela mais madura, mais (um bocadinho) em sintonia com a MPB… Só que ainda falta um grande hit a essa fase solo.

8. Arriscou um visual hippie-chique-místico

Em alguns shows solitários, Sandy apareceu com modelitos duvidosos: coletes com um quê hippie, para combinar com o pandeirinho vintage, numa vibe Woodstock via Vila Madalena… Não deu muito certo. Mas, ousadia por ousadia, essa foi uma das mais fortes de toda a trajetória da cantora.

Continua após a publicidade

7. É ótima em striptease (sim, ela garante que é)

Quase todas as polêmicas de Sandy estão concentradas numa entrevista que ela concedeu à revista Playboy em agosto de 2011. No bate-papo, ela se soltou e danou-se a falar sobre sexo. Claro: abriu pouquíssimas frestas para sua vida íntima. Garantiu, no entanto, que é boa em striptease. E que Whatever Lola Wants, gravada por Ella Fitzgerald, é uma música boa para isso. Se ela diz, não duvidaremos.

6. Tem curiosidade de conhecer clubes de swing

Continua após a publicidade

Mais uma booomba lançada na entrevista de Sandy à Playboy: ela disse que tem curiosidade de conhecer clubes de swing e que só não conheceu um deles fora do Brasil por ter medo de tropeçar em brasileiros que vão espalhar a fofoquinha por aí. Mas acalmem-se: ela disse que não participaria de uma dessas sessões calientes de troca de casais. Ufa.

5. Quando adolescente, namorou Paulinho Vilhena

Ok, não temos nada contra Paulinho Vilhena. Contudo, muitos receberam com certo choque a notícia de que a pequena e inocente Sandy (então com 17 anos) estava namorando o ator de 21 anos, com quem contracenou no piloto do seriado de TV Sandy & Junior. Eles romperam o namoro com oito meses de relação. E, no programa da Xuxa, Sandy fez um desabafo agoniado sobre o assunto.

Continua após a publicidade

4. Disparou uma ironiazinha básica contra Bon Jovi

Em uma das músicas recentes, Aquela dos 30, disse que dá “valor ao que a alma sente”, apesar de já ter curtido Bon Jovi. A oposição entre “valor que a alma sente” e “Bon Jovi” irritou os fãs do roqueiro, que xingaram muito nas redes sociais. Depois da polêmica, Sandy desculpou-se, disse que respeita o trabalho do ídolo oitentista, mas que não se identifica com o som atual dele”. Então, tá.

3. “Garota Devassa”

Para começar o nosso top 3, aquele que talvez tenha sido o bafafá mais barulhento da cantora. Para fazer a campanha de uma cerveja de nome Devassa, Sandy pintou o cabelo de louro e posou de, bem, devassa. O anúncio de TV quebrou de vez a imagem de menina santinha, ainda que não tenha provocado mudança alguma na forma como ela lida com a mídia: de forma discreta, bem discreta.

2. Fez par romântico com Guilherme Fontes (mas só na novela, ufa)

Na novela das seis Estrela-Guia, de 2001, Sandy estreou como protagonista em um papel um tanto atrevido. Aos 17 anos, ela interpretou Cristal, uma espécie de guia espiritual que se apaixona por um homem 20 anos mais velho, interpretado por Guilherme Fontes. O público infantil que acompanhava as músicas de Sandy & Junior, com razão, não entenderam nada. A gente também não.

1. Disse que é possível ter um tipo, digamos, diferente de prazer

Lembram da entrevista à Playboy em que Sandy admitiu seu talento para o striptease? O trecho mais comentado dessa conversa foi uma explicação (teórica, que fique claro) sobre como é possível, sim, ter (crianças, saiam do blog!) prazer anal. “É fisiológico. Deve ser a minoria que gosta”, ela disse. Essa observação simplezinha desatou uma onda de comentários maldosos na internet. Calúnias, intrigas e nada mais: as ousadias de Sandy sempre foram palavras, apenas.

Dê sua opinião: Qual foi a maior ousadia da balzaquiana Sandy? Deixe seu comentário e participe da discussão.

+ Leia mais novidades no blog Pop! Pop! Pop!

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de R$ 39,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.