Imagem Blog

Notas Etílicas - Por Saulo Yassuda

Por Saulo Yassuda
O jornalista Saulo Yassuda cobre cultura e gastronomia. Faz críticas de bares na Vejinha há dez anos. Dá pitacos sobre vinhos, destilados e outros assuntos
Continua após publicidade

Praia Bar, de Talita Simões, serve drinques bons e baratos; leia a crítica

Tocado pela experiente bartender, o recém-inaugurado espaço tem vista para o Instituto Tomie Ohtake

Por Saulo Yassuda Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
Atualizado em 20 jan 2022, 14h25 - Publicado em 12 jul 2019, 06h00

Em vez de mar, o recém-aberto Praia Bar tem vista para o Instituto Tomie Ohtake. Com salão bem pequeno, suas mesas estão espalhadas pela calçada, onde o público curte a brisa paulistana junto dos bons drinques de Talita Simões.

Antes de montar o negócio próprio com dois sócios, uma das bartenders mais experientes do país passou por endereços como Skye, The Sailor (atualmente fechado) e o vizinho de bairro Biri Nait. Suas criações e clássicos da carta não chegam a pesar no bolso, já que têm preços de no máximo R$ 28,00.

Carranca: com tequila e chá de hibisco (Ricardo D'Angelo/Veja SP)

O carranca (R$ 26,00) é composto de tequila reposado, chá de hibisco, xarope de limão-siciliano, abacaxi e licor de berinjela da casa, que dá um discreto amargor.

Continua após a publicidade

Na mesma pegada leve e gelada, o sorrento (R$ 28,00) é um gim-tônica com limoncello enfeitado com abacaxi, cardamomo e tomilho.

Idealizadora: Talita Simões cria bons drinques para novo empreendimento (Ricardo D'Angelo/Veja SP)

Divertido até no nome, o “tomei” ohtake (R$ 28,00) é uma mescla encorpada de gim, amargos Brasilberg e Cynar 70 mais licor St. Germain e bitters com uma folha de sálvia. Embora o amargo seja evidente, não falta equilíbrio.

Continua após a publicidade

A cozinha não é um ponto alto, mas ajuda a evitar a embriaguez com preparos como o homus de beterraba com torradinhas temperadas de zátar (R$ 25,00).

O espaço: drinques são servidos nas mesinhas espalhadas pela calçada (Ricardo D'Angelo/Veja SP)

Avaliação: BOM (três estrelas)

Continua após a publicidade

Confira o cardápio:

 

 

 

 

 

Quer mais dicas? Siga minhas novidades no Instagram @sauloy.

E para não perder as notícias mais quentes que rolam sobre São Paulo, assine a newsletter da Vejinha. É só clicar aqui.

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de R$ 39,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.