Imagem Blog

Filmes e Séries - Por Barbara Demerov

Aqui você encontra críticas, entrevistas e as principais novidades sobre o mundo do cinema e do streaming
Continua após publicidade

Uma do bem, outra do mal: Rachel Weisz interpreta irmãs em nova série

'Gêmeas - Mórbida Semelhança' já está disponível no Prime Video com 6 episódios

Por Barbara Demerov
21 abr 2023, 06h00

✪✪✪ Acaba de chegar ao catálogo do Prime Video a intrigante série Gêmeas — Mórbida Semelhança (Dead Ringers), adaptação moderna do thriller do cineasta David Cronenberg, lançado em 1988 e estrelado por Jeremy Irons.

Nesta nova roupagem, Rachel Weisz interpreta os papéis duplos de Elliot e Beverly Mantle, irmãs que compartilham tudo na vida: carreira, drogas, amantes e um desejo implacável de fazer o que for preciso a fim de desafiar ações antiquadas e trazer os cuidados de saúde da mulher como prioridade. A atriz, vencedora do Oscar, não encara um desafio fácil, mas seu trabalho é sublime.

Em seis episódios muito bem dirigidos, a tensão vai escalando e as duas atuações destacam o quão complexas são as personagens. Enquanto Beverly é empática e gentil, Elliot é possessiva e focada no sucesso como ginecologista. O ciúme que sente da irmã é mais um gatilho para a série apresentar conflitos dos mais diversos.

Alice Birch, que escreveu as séries Normal PeopleConversation With Friends, é quem comanda a produção. Se você gosta de histórias sombrias com um toque de ironia, essa é a pedida do momento.

Continua após a publicidade

“Tive sorte”, diz Rachel Weisz

Em coletiva de imprensa, Alice Birch, criadora da série, e Rachel Weisz comentam a produção. Alice define a série como “um thriller cômico e ao mesmo tempo obscuro sobre duas gêmeas perigosamente co-dependentes que são obcecadas uma pela outra.” Ela completa que essa ligação vai se tornando realmente perigosa. Sobre atuar de forma duplicada, Rachel destaca que o complexo roteiro ajudou a moldar personagens bem diferentes – apesar de a aparência física ser idêntica. “Tive sorte porque a escrita de Alice é tão psicologicamente profunda que cada personagem era completamente distinto”, diz.

Publicado em VEJA São Paulo de 26 de abril de 2023, edição nº 2838

Continua após a publicidade
Compartilhe essa matéria via:
Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital
Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique.

Assinando Veja você recebe semanalmente Veja SP* e tem acesso ilimitado ao site e às edições digitais nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.
*Para assinantes da cidade de São Paulo

a partir de R$ 39,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.